Imprimir
Categoria: Beira
Visualizações: 710

O Conselho Autárquico da Beira, em Sofala, necessita de mais de seis bilhões de meticais para a reconstrução de infra-estruturas costeiras destruídas pelo ciclone Idai.

O montante será aplicado na construção de novos porões, muro de vedação e reparação da marginal, numa extensão de quase dez quilómetros.

Segundo o presidente do Conselho Autárquico da Beira, Daviz Simango, citado pela Rádio Moçambique, o sistema de protecção costeira foi arrastado pelos ventos ciclónicos e requer uma intervenção complexa.

Neste contexto, chega a Beira, esta semana, uma equipa de peritos holandeses que vai ajudar na elaboração do projecto de reconstrução.