Imprimir
Categoria: Capital
Visualizações: 3117

A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve ontem, no Aeroporto Internacional de Maputo, um cidadão angolano na posse de 16 quilogramas de cocaína, disse à Lusa o porta-voz da corporação.

“Ele foi detido quando tentava desembarcar, durante os trabalhos de fiscalização”, disse Leonel Muchina.

A droga estava escondida dentro de pequenas caixas de bobinas de ignição para veículos, dissimuladas no interior das suas malas de bagagem.

O indivíduo, de 36 anos, vinha do Brasil, num voo que fez escala em Portugal, de acordo com o porta-voz da Polícia.

Esta é a segunda maior apreensão de drogas no Aeroporto Internacional de Maputo, depois de no mês passado a PRM ter detido três cidadãos portugueses que tentavam embarcar para Lisboa na posse de 16,5 quilos de cocaína.

“A polícia continua atenta a este tipo de crime para evitar que Moçambique seja usado como um corredor do tráfico de drogas”, concluiu o porta-voz da PRM em Maputo.