• vtem news box
  • vtem news box
  • vtem news box

SETE mortos, um número ainda não especificado de feridos e muita destruição, é o balanço preliminar da passagem do ciclone pela província de Inhambane, que afecta o estado do tempo naquela região do país desde a noite da última quarta-feira.

Dados provisórios divulgados ontem à noite pelo Centro Nacional Operativo de Emergência (CENOE) indicam que os óbitos foram registados nas cidades de Inhambane, Maxixe e noutros pontos, entretanto não especificados, tendo resultado, sobretudo, da queda de árvores nos locais onde as vítimas se encontravam abrigadas.

Maurício Xerinda, director do CENOE, disse que números próximos da realidade sobre esta catástrofe natural só poderão ser conhecidos depois das 12 horas de hoje, altura em que as equipas que fazem o levantamento dos dados no terreno terão regressado à cidade da Inhambane.

O processo de colecta e sistematização de dados é complicado, devido à destruição dos sistemas de comunicações em quase toda a província, com vias obstruídas devido à queda de árvores e postes de transporte de energia eléctrica; inundações e falta de redes de telefonia móvel.

Os números preliminares já compilados avançam, para além de óbitos, para a existência de 130 mil afectados, destruição de 20 mil casas, 104 salas de aula, 49 unidades sanitárias, 51 edifícios públicos, dois sistemas de abastecimento de água, três torres de telefonia móvel, para além de dezenas de postes de energia eléctrica tombados, fazendo com que parte significativa da província esteja às escuras.

Decorre já a assistência às vítimas, o que passa, de acordo com a fonte, pela distribuição de tendas, alimentos básicos, produtos de higiene e água potável, de acordo com as necessidades de cada grupo.

Os ventos e chuvas afectaram também a província de Gaza, onde se fala da destruição de oito salas de aula nos distritos de Xai-Xai, Chongoene e Mandlakazi, bem como a queda de sete postes na linha de transporte de energia eléctrica entre Macia e Lindela, afectando os distritos mais a norte, como Chókwè, Guijá, Mabalane e Massingir. A reposição era esperada até à última noite.

Entretanto, um aviso do Instituto Nacional de Meteorologia (INAM), emitido às 17.00 horas de ontem, indica que às 16.00 horas a agora depressão denominada “Ex-Dineo” se deslocava a uma velocidade de 30 quilómetros por hora em direcção ao distrito de Chicualacuala, em Gaza, com rajadas de vento a uma velocidade máxima de 60 km/h.

O sistema poderá influenciar o estado de tempo nas províncias de Inhambane, concretamente Inharrime, Panda, Vilankulos, Maxixe, Mabote e Funhalouro, bem como Mandlakazi, Xai-Xai, Chibuto, Massingir, Bilene, Guijá, Chókwè, Mabalane, Massangena, Chigubo e Chicualacuala, em Gaza.

O INAM prevê chuvas fortes acompanhadas de trovoadas e ventos de até 90 km/hora na província de Maputo, principalmente Magude, Manhiça, Marracuene, Moamba, Namaacha, Matola e na capital. Também poderão ser afectadas as províncias de Sofala, Manica e Tete, com chuvas moderadas e ventos de até 60Km/h, devido ao efeito conjunto da depressão Ex-Dineo e da zona de convergência inter-tropical, que continua a favorecer a grande instabilidade atmosférica.

José Chissano

Versão-Impressa


Breves

Editorial

EDITORIAL
Segunda, 24 Abril 2017
O INFORME anual da Procuradora-Geral da República (PGR) apresentado esta semana ao Parlamento voltou a suscitar, tal como nos anos passados, avaliações divergentes quanto à profundidade na abordagem das matérias. Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
DISTRITO EM FOCO: Mandlakazi garante segurança...
Terça, 25 Abril 2017
A SEGURANÇA alimentar está garantida, por seis meses, no distrito de Mandlakazi, província de Gaza, na sequência da boa produção ocorrida na primeira época da campanha agrícola 2016/2017. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quizenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 65,87 67,15
ZAR 4,75 4,84
EUR 69,69 71,05

17.04.2017   Banco de Moçambique

Temperatura

25.02.2017    INAM

Opinião & Análise

EM Janeiro, precisamente no seu terceiro dia do ano que corre, fui a Malehice, ...
2017-04-24 23:30:04
OS governos de Moçambique e da África do Sul acabam de decidir ...
2017-04-21 23:30:00
VINHA eu no “chapa” Magoanine-Museu. Na paragem ...
2017-04-24 07:15:27
ATENTE-SE ainda ao comportamento de alguns pais que, pensando estarem a promover ...
2017-04-20 23:30:00
NÃO sou dos que se contentam com hipóteses mas, desta vez, confesso ...
2017-04-24 23:30:04

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 1737 visitantes em linha