Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Opinião

Economia

O Afreximbank está a fazer um estudo sobre a economia de Moçambique, para depois definir em que áreas e com que montantes vai ajudar, disse à Lusa o director do ...

segunda, 16 julho 2018
Read more
Pub
SN

Desporto

A SELECÇÃO Nacional Sub-17 de Futebol defronta hoje a sua similar da Zâmbia, a partir das 12:30 horas, em Port Louis, nas Ilhas Maurícias, em partida inaugural do grupo ...

quinta, 19 julho 2018
Leia +

Nacional

A PROVÍNCIA de Tete registou durante o primeiro semestre do ano em curso 586 casos de mordedura canina contra 366 ocorridos em igual período do ano transacto, com maior destaque para a ...

quinta, 19 julho 2018
Leia +

A POLÍCIA da República de Moçambique (PRM) vai passar a ostentar um novo uniforme a partir de 2018, em substituição do actual que vem sendo usado desde a década de 90. O facto foi anunciado ontem pelo Comandante-geral, Bernardino Rafael, numa parada com os membros da corporação, em Cuamba, distrito do Niassa, no final da visita que efectuou a este ponto do país. O novo uniforme tem uma tonalidade azul claro.

Segundo Rafael, a troca de fardamento poderá ocorrer a 17 de Maio do próximo ano, quando a corporação celebrar 42 anos da sua criação. Nessa altura, a PRM vai envergar o seu quinto uniforme na sua história.  

Quando da sua criação,   em 1975, com o nome de Corpo de Polícia de Moçambique  (CPM), os homens da lei e ordem vestiam uniforme azul. Depois, quando passou a Polícia Popular de Moçambique  (PPM), apresentou-se com um fardamento de cor verde e mais tarde castanho.

Ao mudar de nome e passar à Polícia da República de Moçambique  (PRM), a corporação passou a trajar o uniforme cinzento, com o qual funciona até hoje. Assim, o novo fardamento que passará a envergar para o ano predomina mais a cor azul, mas com muitos enfeites.

Para Bernardino Rafael, a troca de fardamento implica, necessariamente, por parte dos agentes da PRM, a mudança de atitude. Segundo ele, os uniformes que a Polícia já envergou até aqui nunca tiveram problemas, mas o comportamento negativo de alguns colegas é que foi criando nódoas aos olhos da sociedade.

"A mudança de uniforme vai implicar a mudança de atitude. Queremos polícias íntegros e comprometidos com o trabalho. Não estamos a mudar para fugir dos termos pejorativos que a sociedade atribui a alguns comportamentos errados e menos conseguidos dos nossos agentes. O fazemos por julgar ser o momento ideal para dar um salto qualitativo, daí que os membros também terão de mudar de comportamento" – sublinhou.

O Comandante-geral da Polícia sublinhou que o agente deve preocupar-se com o garbo,   tratando bem do uniforme que representa o Estado. Sendo a primeira entidade que um estrangeiro procura quando entra no território nacional, Bernardino Rafael observou que o agente da Polícia deve estar devidamente aprumado,   limpo e de fácil acesso.

 

HÉLIO FILIMONE

 

Sábados

TEMA DE ...

A alegoria da caverna de Platão é esclarecedora quanto ...

CLICKADAS

...

José Craveirinha, o nosso poeta maior, escreveu: “O ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction