O ECONOMISTA moçambicano Tomaz Salomão sugere que o país deve diversificar os mercados a nível do Continente Africano para se beneficiar das vantagens que podem advir dessa decisão estimulando o incremento do volume de trocas comerciais.

Segundo ele,  Moçambique é a única de entre as 52 nações do Continente Africano que pertence a um único bloco económico e político, concretamente a comunidade de desenvolvimento da África Austral, SADC. Os restantes 14 membros do bloco sediado na cidade de Gaborone, na República da Namíbia, integram dois ou mais organizações continentais.

O impacto dos mesmos integrarem mais blocos económicos e políticos é o fortalecimento das suas trocas comerciais, o que torna as respectivas economias mais competitivas, decisão que o nosso país deve adoptar para promover melhorias entre várias do nível de qualidade de vida das suas populações através de investimento público.

Falando há dias para uma plateia de docentes e discentes das instituições do Ensino Superior que funcionam na província de Nampula, Tomaz Salomão, que já integrou o Governo onde ocupou as funções de ministro do Plano e Finanças e, mais tarde, dos Transportes e Comunicações, precisou que o país enfrenta o desafio de mudar a mentalidade da sua população em termos de preferência de produtos alimentares e particular.

“Tornou-se normal a nossa população apostar na aquisição essencialmente de produtos alimentares produzidos nos países vizinhos ou mesmo da Europa e Ásia, em detrimento dos locais que abundam no mercado com preços competitivos com a alegação de que a sua qualidade não satisfaz a sua exigência. Por outro lado, as trocas comerciais que realizamos no país privilegiam produtos importados e os locais não são comercializados ao nível que era de esperar, factos que debilitam ainda mais a nossa economia” – enfatizou o antigo secretário executivo da SADC.

Noutro desenvolvimento, Tomaz Salomão propôs o ensino obrigatório da língua inglesa a partir do nível secundário geral para capacitar os futuros operadores comerciais no contexto da interacção com os seus homólogos baseados nos países vizinhos, sobretudo membros da SADC.

Na sua óptica, não faz sentido que os negócios sejam efectuados por intermediários por não dominarem a língua inglesa, pois acarreta custos com os tradutores, entre outros inconvenientes.

De referir que o conjunto dos países do bloco da SADC conta com uma população estimada em 206,4 milhões de habitantes e produz um PIB (produto interno bruto) de cerca de 162,2 bilhões de dólares norte-americanos. Exportam mercadorias no valor estimado em 52,4 biliões de dólares da sua produção interna contra um volume de importações que se situam em 50,8 biliões de dólares.

O PIB dos países da SADC é igual ao da República da Turquia, o que demonstra claramente os desafios que os países daquele bloco tem em alterar positivamente a tendência de crescimento das respectivas economias para reforçar a do bloco no seu todo segundo Tomaz Salomão.

 

Breves

Editorial

EDITORIAL
Sexta, 20 Outubro 2017
O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, manifestou há dias, e de forma particularmente severa, a sua preocupação em relação aos elevados índices de corrupção que se registam no país, tanto no sector público quanto no... Ler mais..

Primeiro Plano

IMAGE
Embaixador da Rússia afirma: Se não tivéssemos...
Segunda, 23 Outubro 2017
DOS conflitos internacionais à política Russa para África, muitos temas podem ser assunto numa conversa com um representante de uma potência mundial. Foi isso que aconteceu na nossa conversa com o embaixador da federação russa em Moçambique. Ler mais..

Assim vai o mundo

Preçário dos jornais online

Anual 5.746,00 MT
Semestral
Trimestral 1.436,00 MT
Mensal 478,00 MT
Quinzenal 239,00 MT
Semanal
Diário 18,00 MT

Jornal Noticias

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Domingo

Anual 1.872,00 MT
Semestral
Trimestral 468,00 MT
Mensal 156,00 MT
Semanal 27,00 MT

Jornal Desafio

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,70 61,84
ZAR 4,43 4,51
EUR 71,53 72,88

11.10.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

E ENTÃO o meu amigo, muito andado pelas tascas de Rossio e do Chiado, a ...
2017-10-23 23:30:00
LOCALIZADA no extremo norte da província de Cabo Delgado, fazendo fronteira ...
2017-10-22 23:30:00
FRETILIN é nome de um dos movimentos que lutaram pela independência de ...
2017-10-22 23:30:00
NA semana passada vimos mais um acto mediatizado de demolições de ...
2017-10-22 23:30:00

Conversas ao sábado

  • Publicidade_Versao_Imprensa

Quem está online?

Temos 2072 visitantes em linha