Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

O presidente do MPLA, José Eduardo dos Santos, reafirmou nesta sexta-feira (25), em Luanda, que vai deixar a vida política ainda este ano, por vontade própria.

A confirmação foi apresentada no discurso de abertura da segunda sessão extraordinária do Comité Central do MPLA, que decorre hoje, segundo a ANGOP.

Na sessão que tem como objectivo aprovar a resolução sobre a realização do VI Congresso do MPLA, a ter lugar em Setembro, José Eduardo dos Santos afirmou que a transição deve ser feita sem sobressaltos e que o processo deve mostrar a maturidade política do partido no poder em Angola, como uma força com mais de 60 anos.

Durante a intervenção, José Eduardo dos Santos, que e não concorreu às eleições gerais de Agosto transacto, recordou que a transição a nível do partido culminará com a eleição de um novo presidente em resultado da vontade por si manifesta de abandonar a vida política no ano de 2018, apesar do seu mandato regular terminar em 2021, por força dos estatutos do MPLA.

“Recordo-me ter dito em linhas gerais que tudo que tem um começo tem um fim. Porque é assim a dialéctica da vida”, afirmou durante o discurso de improviso.

Referiu que a vida do MPLA tem um ciclo que termina e recomeça-se assim a outra fase da sua existência e que o partido deve saber reter tudo que fez de positivo e lhe permitiu chegar a fase em que se encontra, estabelecendo novos objectivos para os seus militantes visando materializar os ideais proclamados desde a sua fundação.

Segundo o ex-chefe de Estado angolano, José Eduardo dos Santos, a chave do sucesso do MPLA foi, no passado como no presente, e será, a unidade, a capacidade de cerrar fileiras perante as adversidades, a clareza da sua linha política  e a determinação em alcançar os objectivos traçados.

Defende maior mobilização dos comités do partido, dos comités provinciais, sobretudo, dos militantes, simpatizantes e amigos, para a realização das tarefas preparatórias do sexto Congresso Extraordinário.

O MPLA aprovou a 27 de Abril a realização de um congresso extraordinário na primeira quinzena de Setembro deste ano e a candidatura de João Lourenço ao cargo de Presidente do partido.

Comments

A alta responsável da diplomacia norte-coreana, Cheo Son-hui, classificou ontem de “idiotas e estúpidos” os comentários do Vice-Presidente norte-americano, Mike Spence, e avisou que a Coreia do Norte pode reconsiderar a cimeira planeada com Donald Trump.

“Não posso esconder a minha surpresa perante as observações idiotas e estúpidas vindas da boca do vice-presidente norte-americano”, salientou a vice-ministra norte-coreana dos Negócios Estrangeiros, Cheo Son-hui, em declarações citadas pela agência de notícias oficial do país, a KCNA.

A governante norte-coreana referia-se a uma entrevista do vice-presidente norte-americano, no canal de televisão Fox News, na segunda-feira, na qual este afirmava que o processo de desnuclearização da Coreia do Norte podia seguir o modelo da Líbia, que terminou com a morte de Muammar Kadhafi, após este ter renunciado ao projecto de construir uma bomba atómica.

A decisão da Coreia do Norte de encerrar o local de testes nucleares de Punggye-ri tem sido geralmente vista como um gesto positivo de Kim para dar um tom positivo antes da cimeira com os Estados Unidos.

Mesmo assim, não é uma medida irreversível e precisaria de ser seguida por muitas medidas mais significativas para atender às exigências de Trump para uma verdadeira desnuclearização.

A Coreia do Norte não convidou inspectores internacionais para a cerimónia de desmantelamento do campo de testes, o que limita o seu valor como uma concessão séria.

Também recentemente, o plano da cimeira EUA-Coreia do Norte apresentou uma série de problemas, já que os dois lados começaram a trocar farpas e tomar posições mais duras.

Donald Trump reuniu-se na terça-feira com o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, na Casa Branca, para consultas e sugeriu que a cimeira poderia ser adiada ou mesmo cancelada por completo.

Mesmo assim, os dois lados ainda parecem querer realizar a reunião, o que seria sem precedentes.

Comments

A Coreia do Norte indicou hoje que continua aberta ao diálogo com os EUA, depois de o presidente norte-americano ter anulado a cimeira entre os dois países, o que Pyongyang considerou de decisão “extremamente lamentável”.

“Reiteramos aos EUA a nossa determinação de nos sentarmos cara a cara, a qualquer momento e da maneira que for, para resolver este problema”, declarou Kim Kye Gwan, o primeiro vice-ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano, em comunicado divulgado pela agência noticiosa oficial do país, KCNA.

“O anúncio abrupto da anulação da reunião foi inesperado para nós e só o podemos qualificar de extremamente lamentável”, acrescentou.

Trump cancelou na quinta-feira a cimeira com Kim Jong-un, prevista para 12 de Junho em Singapura, invocando uma “raiva tremenda e hostilidade aberta” por parte da Coreia do Norte.

Comments

O Presidente da Venezuela denunciou ontem que os Estados Unidos e a Colômbia estavam a financiar acções para desestabilizar o Governo e impedir as eleições presidenciais antecipadas de 20 de Maio.

"Capturámos os conspiradores, que confessaram que eram financiados através de uma aliança da embaixada 'gringa' [norte-americana] na Venezuela com o Governo da Colômbia, para gerar violência militar e tratar de evitar as eleições democráticas no país", declarou, segundo a Lusa.

Nicolás Maduro falava na sessão da Assembleia Constituinte (AC) durante a qual prestou juramento perante a presidente do órgão, Delcy Rodríguez, como Presidente da Venezuela para o período 2019-2025, na sequência da vitória nas presidenciais de domingo passado.

O chefe de Estado venezuelano referia-se à detenção "por conspiração" de um grupo de militares.

Na intervenção, Maduro anunciou um novo plano de acção governamental composto por seis linhas estratégicas, sendo a primeira uma reunificação, reconciliação e pacificação nacional venezuelana, que inclui a libertação dos presos políticos que não tenham cometido delitos graves.

A segunda define um acordo económico-produtivo para a estabilização, mediante uma reorganização do sistema de distribuição, comercialização, bem como a afixação de preços dos produtos básicos para a população. A terceira linha consiste numa luta renovada e frontal contra a corrupção.

O novo programa governamental inclui ainda o fortalecimento e ampliação do sistema de segurança e protecção social, através do Cartão da Pátria, que dá acesso a programas governamentais e é promovido pelo Partido Socialista Unido da Venezuela (no poder).

As últimas duas linhas de acção estão centradas na defesa do país e da Constituição perante conspirações nacionais e internacionais e a ratificação da construção do socialismo.

Segundo os últimos dados divulgados pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE) da Venezuela, Maduro venceu as eleições presidenciais antecipadas de domingo passado com 6.244.016 (67,8%) votos.

O opositor Henri Falcon obteve 1.927.174 votos. O pastor evangélico Javier Bertucci 988.761 e o engenheiro Reinaldo Quijada 36.246 votos, indicou o CNE.

De acordo com o CNE, foram registados 9.381.218 votos válidos, que correspondem a uma participação de 46.06% dos 20.527.571 eleitores.

Comments

O Presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, garantiu hoje que o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, cumpriu todas as promessas, ao comentar a decisão do seu homólogo norte-americano, Donald Trump, de cancelar a cimeira.

"O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, cumpriu tudo o que prometeu", disse Putin, durante uma conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo francês, Emmanuel Macron, no Palácio de Constantino.

Putin lamentou a decisão de Trump, uma vez que esperava que a cimeira entre este e Kim Jong-un fosse o primeiro passo para “a desnuclearização da península coreana”.

Trump cancelou, ontem, a cimeira com Kim Jong-un, prevista para 12 de Junho em Singapura, invocando uma "raiva tremenda e hostilidade aberta" por parte da Coreia do Norte.

Comments

Sábados

CLICKADAS

TEMA DE ...

NUMA entrevista que concedeu ao escritor Marcelo Panguana, publicada no ...

...

A BELEZA do mundo é uma bênção que se vive na ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction