Director: Júlio Manjate   ||  Director(a) Adjunto(a): 

Opinião

Politica

MULHERES de diferentes organizações, reunidas semana passada no distrito de Mandlakazi, província de Gaza, reclamam maior equilíbrio do género na liderança ...

segunda, 17 dezembro 2018
Leia +

Nacional

AS autoridades da Saúde apelam à sociedade moçambicana para reforçar as medidas de prevenção de situações susceptíveis de perigar a ...

segunda, 17 dezembro 2018
Leia +

Autárquicas 2018

A VOTAÇÃO nas oito mesas cujos resultados foram anulados pelo Conselho Constitucional na autarquia de Marromeu, em Sofala, deverá ser repetida até ao dia 25 de Novembro ...

quinta, 15 novembro 2018
Leia +
Pub
SN

Desporto

O MAXAQUENE sagrou-se, sábado, campeão nacional de futebol de juvenis, ao bater o Ferroviário, por 5-4, nos penaltes, na final do certame que vinha decorrendo na cidade de ...

segunda, 17 dezembro 2018
Leia +

Economia

UMA equipa de técnicos do Instituto Nacional de Hidrografia e Navegação (INAHINA), constituída por hidrógrafos e cartógrafos, se encontra em Pemba, ...

segunda, 17 dezembro 2018
Read more

Tecnologias

MOÇAMBIQUE vai investir na formação de peritos em matéria de segurança e redes de computadores, com o último nível da certificação ...

segunda, 17 dezembro 2018
Leia +

A PRIMEIRA marca moçambicana de automóveis, denominada “Matchedje”, foi ontem oficialmente lançada no mercado nacional.

Trata-se de uma iniciativa da empresa Matchedje Motor, que conta com capitais chineses.

Carlo Nizia, director de Vendas da Matchedje Motor, disse em conferência de imprensa, na província de Maputo, que o lançamento se enquadra no âmbito das celebrações do 50.º aniversário das Forças Armadas de Defesa de Moçambique, que amanhã se comemora, estando nesse contexto prevista uma oferta especial onde 100 viaturas todo-terreno cabine dupla de deslocamento de 2.8 litros, cujo preço original é de 750 mil meticais, serão vendidas por 595 mil meticais.

O projecto Matchedje Motor consiste numa fábrica onde numa primeira fase estão a ser montados cerca de 30.000 veículos, entre automóveis todo-o-terreno e autocarros para o transporte de passageiros, para além de motorizadas eléctricas.

O plano é que a segunda fase ocorra nos próximos dois anos (2015-2016), onde se prevê que a fábrica tenha uma capacidade produtiva de 100.000 unidades, com oficinas de pintura, soldadura e outras infra-estruturas.

Num terceiro período (2017-2020) prevê-se a produção de 500.000 veículos de todos os tipos, incluindo a produção de vários tipos de acessórios para automóveis.

“A Matchedje Motor vai estabelecer também um Plano de Formação em Mecânica, Química, Indústria Electrónica e Indústria Automóvel para quadros moçambicanos. Esta fase trará uma profunda mudança de vida para o povo moçambicano, pois, depois de concluída, a expectativa é de que a produção anual seja de cerca de 150 mil milhões de dólares”, disse Carlo Nizia.

De referir que o projecto começou a ser implementado há três anos e enquadra-se no âmbito da cooperação entre os governos de Moçambique e da China.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction