DEPOIS da pergunta vi uma estudante aos prantos. Os seus soluços travaram as palavras que, incapazes de sair da boca, morreram afogadas na saliva. Uma gota de um líquido incolor arrombou a extremidade esquerda do olho direito e rolou no rosto do jovem.

Outro estudante gargalhou, depois pausou, arrependeu-se, olhou para o resto dos colegas e depois calou-se.

As duas reacções deixaram-me baralhado, pensei em perguntar de novo, mas aquele cenário me deixou com uma pulga carnívora nas costas de minha orelha direita. Aquela carteira vazia comprometia a estética da sala de aulas, mas o que fazer? Por isso não gosto de faltosos.

A aula prosseguiu, mas a moça continuava transtornada. Com os olhos vermelhos, pegava no lenço e limpava o rosto.

O jovem da gargalhada continuava irrequieto a cochichar com os colegas.

“Arménio, silêncio! Pensas que isso é uma barraca? Mais um pio e te convido a conhecer o paladar do pátio da faculdade”, ironizei.

Prossegui: “Chorosa, peço que vá para a retrete da faculdade. Tens de te recompor”, aconselhei.

A moça pausou, dobrou o lencinho e depois se levantou. Instantes depois ganhei uma certeza: O Paulo deve ter falecido. “A minha pergunta embaraçou a turma”, constatei.

A moça retornou àsala. A aula já estava nos seus últimos suspiros. Depois de minutos a lição terminou. Os estudantes foram deixando o recinto. A chorosa também saiu da sala. Mas o proprietário da gargalhada estava ali, lento a arrumar a sua pasta de costas.

- Venha aqui! - disse, enquanto assinava o livro da turma, pronto para deixar a faculdade.

Cheio de curiosidade, perguntei:

- A moça que se desmanchou em lágrimas tinha uma relação com o Paulo?

- Sim, eram íntimos. Muito íntimos.

- A moça estava de preto, o Paulo Morreu?

- Sim, o Paulo morreu para ela - disse, enquanto engolia a saliva, pronto para acrescentar algo, mas eu lhe interrompi:

- Morreu para a mocinha, como assim?

- A relação deles terminou, ela está grávida e o Paulo não vem àfaculdade há duas semanas.

Aquela informação me atingiu com enorme indiferença. Pausei, pensei em vazias coisas e cheguei a uma conclusão: a carteira vai continuar vazia até o jovem ganhar responsabilidade.

 

GLÓRIA MARIA- Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 60,16 61,29
ZAR 4,58 4,67
EUR 68,75 70,04

17.07.2017   Banco de Moçambique

Opinião & Análise

ENQUANTO muitos debatem a opinião do Chefe do Estado moçambicano sobre ...
2017-07-21 23:30:00
O FUTEBOL é um dos desportos mais “cabeça dura” que ...
2017-07-21 23:30:00
HÁ dias o académico José Diquissone Tole, também ...
2017-07-21 23:30:00
O dia 18 de Julho, dia em que se comemora o aniversário natalício de ...
2017-07-21 06:48:05
TIVE o grato privilégio de estar presente recentemente numa palestra cujo ...
2017-07-21 06:45:58