Imprimir
Categoria: Política
Visualizações: 1117

O CANDIDATO da Frelimo às eleições de 15 de Outubro terminou ontem a sua campanha de “caça ao voto” na província do Niassa, com a promessa de pôr termo aos desmandos que se registam no distrito de Ngauma, junto à fronteira com o Malawi, onde as pessoas são cobradas ilicitamente quando pretendem atravessar para o país vizinho.

O candidato do partido no poder disse que quando chegar à Ponta Vermelha vai criar facilidades para que a população se desloque para o outro lado da fronteira à busca de produtos para a comercialização, melhorando assim a sua qualidade de vida. Filipe Nyusi prometeu também a asfaltagem da estrada que liga Cuamba e Lichinga, assim que chegar à presidência da República. Hoje, Nyusi é esperado na província de Tete, onde deverá prosseguir com o trabalho de convencer o eleitorado a votar em si.