O Governo de Moçambique encontra-se desde a manhã de hoje na Assembleia da República para cumprir o segundo e último dia dos debates das informações sobre a situação das calamidades naturais que assolam o país e das dívidas.

Os deputados estão preocupados com a situação provocada pelo transbordo do rio Revúbuè, na cidade de Tete e Moatize, que inundou centenas de residências, afectando a população, que foi obrigada a abandonar o local.

Entretanto, as bancadas estão a divergir na avaliação da apresentação das acções do Governo feitas ontem, com a Frelimo a favor, enquanto a Renamo e o MDM não aceitam as explicações do Governo.

O debate sobre os temas agendados teve seu início ontem, tendo sido interrompido por razões que se prendem com uma falha registada no sistema de som no plenário da Casa do Povo, e deverá reflectir sobre o posicionamento de cada uma das três bancadas parlamentares.

Neste momento, os deputados continuam a colocar questões ao Governo sobre diversos assuntos que ocorrem no país, no âmbito político, social e económico.

Em cumprimento do Regimento do Parlamento, a equipa do Governo é chefiada pelo Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário.

Ontem, desfilaram no pódio da AR os ministros da Administração Estatal e Função Pública, Carmelita Namashulua; das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, João Machatine; e o da Agricultura e Segurança Alimentar, Higino Francisco de Marrule.

 

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction