Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Opinião

Politica

A Polícia da República de Moçambique (PRM) registou 47 casos de ilícitos durante o recenseamento eleitoral para as municipais de 10 de Outubro próximo, um ...

domingo, 27 maio 2018
Leia +

Economia

O Banco de Moçambique (BM) anunciou ontem a demissão da comissão liquidatária do “Nosso Banco”, por incumprimento das obrigações da Lei n.º ...

quinta, 24 maio 2018
Read more
Pub
SN

Desporto

A SELECÇÃO Nacional de Futebol defronta amanhã, a partir das 14:00 horas, no Old Peter Mokaba Stadium, a sua congénere do Madagáscar, em desafio inserido na ...

sexta, 25 maio 2018
Leia +

Nacional

CERCA de 13 mil milhões de meticais em pensõesjá foram pagos a 2800 antigos trabalhadores das minas da África do Sul, após acordos alcançados entre os ...

sexta, 25 maio 2018
Leia +

UMA campanha para promover a participação massiva da população, particularmente das mulheres, nos processos eleitorais leva as cantoras Júlia Mwito e Pureza Wafino a um concerto a ter lugar hoje no campo 25 de Setembro, na cidade de Pemba.

Para além das conceituadas cantoras, o espectáculo contará com a participação de artistas e grupos culturais da província de Cabo Delgado também com o objectivo de promover pleitos eleitorais pacíficos.

A iniciativa, designada “Mulheres em Democracia”, é da associação Mulheres Lei e Desenvolvimento (MULEIDE), em parceria com o Fórum Mulher, e já levou as duas cantoras às províncias de Nampula e Zambézia.

Delfina Naete, da MULEIDE, explicou que o objectivo desse projecto é criar condições para motivar as mulheres a perceberem a pertinência da sua participação nos processos eleitorais.

“Queremos sensibilizar a população, particularmente as mulheres, no sentido de continuarem a investir para a superação das dificuldades que as apoquentam no seu quotidiano, participando nas eleições”, disse Naete.

Para além de canções já conhecidas, as duas cantoras deverão apresentar uma música produzida para este projecto, igualmente designada “mulheres em democracia”.

Naete explicou que a escolha desta estratégia, promoção de um evento cultural, tem a ver com o facto de ser uma iniciativa com capacidade de aglutinar diversas sensibilidades e ainda ter um forte poder de mobilização de massas.

Por outro lado, os promotores do evento querem que o espectáculo sirva de veículo de passagem de ideias para galvanizar as mulheres a trabalharem em prol da defesa dos ideais da paz.

“As mulheres também devem se envolver nesta questão da paz. Não deve haver violência, pois quando há conflitos as mulheres é que acabam sendo as maiores vítimas. Daí que queremos mobilizá-las também para se envolverem na manutenção da paz”, afirmou Delfina Naete.

Sábados

CLICKADAS

...

A BELEZA do mundo é uma bênção que se vive na ...

TEMA DE ...

NUMA entrevista que concedeu ao escritor Marcelo Panguana, publicada no ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction