Opinião

Politica

A GOVERNADORA da cidade de Maputo, Iolanda Cintura, distinguiu, terça-feira, com a medalha “Veterano da Luta de Libertação de Moçambique”,20 combatentes que ...

quinta, 27 junho 2019
Leia +

Nacional

A PROVÍNCIA de Maputo progrediu no desenvolvimento da primeira infância (DPI) ao conseguir que mais de 2500 crianças com sinais de atraso psicomotor fossem encaminhados para ...

quinta, 27 junho 2019
Leia +

Desporto

A SELECÇÃO Nacional de Hóquei de Sub-19 segue esta tarde para a cidade espanhola de Barcelona, onde a partir de sábado irá disputar, pela primeira vez, na ...

quinta, 27 junho 2019
Leia +
Pub
SN

Economia

O BANCO Mundial considera que o período propício para o estabelecimento do fundo soberano é de pelo menos dez anos, após o arranque dos projectos de ...

quinta, 27 junho 2019
Read more

Tecnologias

TRACOMA, doença infecciosa que afecta a visão, continua a ser preocupação de saúde pública, em todo o mundo, principalmente, nos países mais pobres, ...

quinta, 27 junho 2019
Leia +

UMA campanha para promover a participação massiva da população, particularmente das mulheres, nos processos eleitorais leva as cantoras Júlia Mwito e Pureza Wafino a um concerto a ter lugar hoje no campo 25 de Setembro, na cidade de Pemba.

Para além das conceituadas cantoras, o espectáculo contará com a participação de artistas e grupos culturais da província de Cabo Delgado também com o objectivo de promover pleitos eleitorais pacíficos.

A iniciativa, designada “Mulheres em Democracia”, é da associação Mulheres Lei e Desenvolvimento (MULEIDE), em parceria com o Fórum Mulher, e já levou as duas cantoras às províncias de Nampula e Zambézia.

Delfina Naete, da MULEIDE, explicou que o objectivo desse projecto é criar condições para motivar as mulheres a perceberem a pertinência da sua participação nos processos eleitorais.

“Queremos sensibilizar a população, particularmente as mulheres, no sentido de continuarem a investir para a superação das dificuldades que as apoquentam no seu quotidiano, participando nas eleições”, disse Naete.

Para além de canções já conhecidas, as duas cantoras deverão apresentar uma música produzida para este projecto, igualmente designada “mulheres em democracia”.

Naete explicou que a escolha desta estratégia, promoção de um evento cultural, tem a ver com o facto de ser uma iniciativa com capacidade de aglutinar diversas sensibilidades e ainda ter um forte poder de mobilização de massas.

Por outro lado, os promotores do evento querem que o espectáculo sirva de veículo de passagem de ideias para galvanizar as mulheres a trabalharem em prol da defesa dos ideais da paz.

“As mulheres também devem se envolver nesta questão da paz. Não deve haver violência, pois quando há conflitos as mulheres é que acabam sendo as maiores vítimas. Daí que queremos mobilizá-las também para se envolverem na manutenção da paz”, afirmou Delfina Naete.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction