Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

O Festival de Gastronomia, denominado “Tsotsiva”, que traduzido do emakhwa significa gostoso, é um dos eventos que irá marcar, no próximo domingo, a derradeira fase das comemorações dos 200 anos de elevação à categoria de cidade da Ilha de Moçambique, na província de Nampula.

Segundo apurou ontem a AIM, na Ilha de Moçambique, pelo menos 30 equipas de operadores turísticos da área de comes e bebes apresentaram-se para dar corpo a esta actividade.
Para este evento gastronómico está a ser preparado o jardim temático, defronte do Museu da História Colonial, um dos 400 monumentos classificados da Ilha de Moçambique e a poucos passos também da renovada ponte-cais.

Ainda no que respeita à oferta de comidas e bebidas para os turistas que se deslocarem nos próximos dias à Ilha de Moçambique, o governo local autorizou a instalação de perto de uma centena de bancas fixas e ambulantes em locais estratégicos.

O chefe da Comissão dos 200 anos, Manuel Sumalgy, disse à AIM que os preparativos decorrem  a um ritmo normal e que a oferta de camas ronda os três milhares no global.

Segundo projecções dos organizadores da festa do bicentenário da Ilha de Moçambique, espera-se que entre sábado, domingo e segunda-feira próximos perto de três mil pessoas que se juntarão aos residentes habituais locais, na ordem dos dez mil.

Para as cerimónias centrais da efeméride estão previstas diversas actividades de índole cultural, económica, social e desportiva, que terão lugar na parte insular e no Lumbo, no continente.
As festividades dos 200 anos da Ilha de Moçambique decorrem desde Janeiro, com as actividades culturais a terem grande expressão.

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction