Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

Cerca de metade da população residente nas zonas rurais e urbanas da província de Manica, estimada em 1.911.237 habitantes, ressente-se ainda do défice no acesso a água potável.

Dados recentemente actualizados dão conta que, nas zonas rurais, pelo menos 48 por cento da população ainda não tem acesso à água potável, enquanto nas urbanas o défice situa-se na ordem dos 38 por cento.

Falando há dias no decorrer da VIII Sessão Ordinária da Assembleia Provincial, o Governador de Manica, Manuel Rodrigues, disse que, actualmente, a taxa de cobertura nas zonas rurais é de 58 por cento e nas urbanas na ordem de 62 por cento.

Com vista a abranger mais pessoas com o abastecimento de água, foram construídos, durante o primeiro semestre do presente ano, 15 fontes equipadas com as respectivas bombas, das 86 planificadas.

“Esforços continuam a ser envidados no sentido de abrir novas fontes durante este segundo semestre, com vista a alargar a taxa de cobertura de água, sobretudo nas zonas rurais da província”, disse.

O governador de Manica, que não se referiu aos números globais das fontes existentes, apontou que cada fonte de água está para 300 pessoas na zona rural.

As cidades de Chimoio e Manica e as vilas de Gondola e Messica figuram entre as mais privilegiadas pelo projecto de captação, tratamento e distribuição, por estarem ligadas ao Sistema Integrado de Abastecimento de Água de Chicamba.

Para o próximo ano estão previstas mil novas ligações domiciliárias em todos os aglomerados urbanos abrangidos pela rede de Chicamba, gerida pelo Fundo de Investimento de Património e Abastecimento de Água (FIPAG), contra 586 previstas para 2018.

Entretanto, o director provincial de Economia e Finanças de Manica, Virgulino Nhate, que apresentou a proposta do Plano Económico e Social e do Orçamento para 2019, traçou os principais objectivos da província, projectando os indicadores socioeconómicos e enumerando as acções de impacto a serem realizadas por prioridades e pilares de suporte.

Assim, indicou como sendo principais objectivos do PES-2019 elevar os níveis de produção global em sete por cento, crescer a produção agrícola em quatro por cento, passando das 3.509 milhões de toneladas, este ano, para 4.660 milhões de toneladas em 2019.

Manica projecta ainda aumentar os níveis de arrecadação de receitas em 20 por cento, incrementar as exportações em cinco por cento, atrair investimentos, aumentar os níveis de comercialização agrícola e prevenir e combater as doenças endémicas, como a malária, o HIV/SIDA, tuberculose, entre outras.

VICTOR MACHIRICA

Comments

A ponte cais da cidade de Inhambane vai ser reinaugurada amanhã, depois de beneficiar de obras da sua reabilitação, acto que será dirigido pelo Ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita. Leia mais

Comments

O Instituto Superior Politécnico de Gaza (ISPG) possui um campo para a experimentação e realização de práticas em vários cursos ministrados naquela instituição. Leia mais

Comments

ESTÃO na fase conclusiva as obras de requalificação de uma parte da marginal da cidade de Pemba, capital de Cabo Delgado, as quais vêm decorrendo desde Junho do ano passado e orçadas em 10 milhões de meticais, financiamento da edilidade. Leia mais

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction