Director: Júlio Manjate   ||  Directora Adjunta: Delfina Mugabe

AS obras de reabilitação e melhoramento da Estrada Nacional Número Seis (N6), numa extensão de 288 quilómetros, ligando a cidade portuária da Beira à vila fronteiriça de Machipanda, junto à da fronteira com o Zimbabwe, arrancam logo depois da presente época chuvosa.

O facto foi revelado em exclusivo ao “Notícias” pelo porta-voz da Direcção Provincial das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos em Sofala, José Luís, o qual acrescentou que o atraso que se verifica para o início da obra tem a ver com a necessidade de cumprimento de critérios internacionais que se exigem num concurso deste nível.

Orçado em 410 milhões de dólares americanos a serem desembolsados pelo Governo de Moçambique e pelo Exim Bank, da China, a obra durará 36 meses.

O construtor de origem chinesa, denominado AFEK, encontra-se no terreno desde o ano passado, estando já a trabalhar no levantamento topográfico, nos estudos geotécnicos, instalação de três estaleiros ao longo do traçado da via e na consulta comunitária para a movimentação de cerca de 600 famílias, cujas casas se localizam ao longo do traçado do projecto nas províncias de Manica e Sofala.

O projecto prevê ainda a construção de uma ponte sobre o rio Púnguè, com 250 metros; um novo cruzamento desnivelado, três portagens; duas básculas; seis postos de controlo policial e 50 paragens de transportes públicos. As portagens, cujo valor ainda não foi estipulado, vão localizar-se em Chimoio, Nhamatanda e Dondo.

Também serão reabilitados 1.652 metros de pontes em diversos pontos da rodovia; sete aquedutos, além do alargamento da via que passará a ter duas faixas de Machipanda a Inhamízua e quatro de Inhamízua até à cidade da Beira.

A obra está dividida em secções, sendo a primeira de 218,9 quilómetros; a segunda de 13; a terceira de 47 e a última de oito quilómetros. Também será construído um novo cruzamento no Inchope que terá como principal atractivo uma ponte aérea.

A estrada também vai beneficiar os países vizinhos como o Zimbabwe, Malawi, Zâmbia, Botswana e RDCongo.

A cerimónia de lançamento da primeira pedra foi dirigida pelo antigo Presidente da República Armando Guebuza, no dia 9 de Julho do ano passado, no posto administrativo de Tica, distrito de Nhamatanda, em Sofala.

HORÁCIO JOÃO

Sábados

TEMA DE ...

É um facto que as autoridades municipais, há anos, enfrentam ...

...

A INFÂNCIA e a arte são universos muito próximos. ...

Conselho de administração

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

Siga-nos

Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction