Segunda-feira, 22 Julho, 2024
Início » O que é isso, senhor Feizal Sidat?

O que é isso, senhor Feizal Sidat?

Por Jornal Notícias
1,4K Visualizações

FIFITO

A EFECTIVAR-SE a não continuidade do “mister” Chiquinho Conde no leme da Selecção Nacional, “Mambas”, Moçambique poderá tornar-se no primeiro país na história do futebol africano a não renovar o contrato com um treinador que apresenta resultados positivos por causa de “gelo”.

Isso mesmo! O “gelo” e a não permissão da entrada do presidente da Federação Moçambicana de Futebol (FMF), Feizal Sidat, e de Paito Mucuana, vice-presidente para as selecções nacionais, no autocarro e balneário dos “Mambas” antes do início dos jogos são os pontos fortes elencados pelo timoneiro da FMF.

Neste momento, em cada esquina por onde passo encontro cidadãos questionando-se o que é que estes dois senhores pretendem fazer chegar aos pupilos do “mister” Conde após a sua preparação e concentração para a contenda? Será que querem passar uma mensagem para diluir tudo o que o treinador recomendou que façam no rectângulo do jogo?

Quanto a mim, esta é uma demonstração cristalina de tentativa de mediocrização de um técnico altamente qualificado. Basta olharmos para os resultados.

Actualmente, a equipa de todos nós tem jogado de igual para igual com as selecções bem posicionadas no panorama futebolístico africano, para a nossa alegria. Julgo ter chegado o momento de o presidente da FMF perceber que não está naquele lugar por interesses individuais, mas, sim, do povo moçambicano, especialmente nós como adeptos dos “Mambas”.

Vale lembrar que quando o “mister” Chiquinho Conde começou a trabalhar com a Selecção Nacional fez um trabalho de filtragem, que culminou com o afastamento de um jogador que podia minar o grupo. Falo do Zainadine. Criticou-se muito a decisão, porém ele deu continuidade ao seu trabalho, pois sabia o que estava a fazer e é por isso que não quer ver o presidente da FMF e o seu vice-presidente para as selecções nacionais no autocarro e no balneário dos “Mambas”.

E porque os jogadores assimilaram a “doutrina condeana”, hoje orgulhamo-nos pelos resultados alcançados, daí que Feizal Sidat não nos deve cortar este momento de alegria.

Contudo, em representação dos adeptos dos “Mambas”, e com a ajuda deste matutino, peço ao secretário de Estado de Desporto que interceda por nós; que faça com que o senhor Sidat perceba que este é um assunto da nação, pois já não temos corações que suportem derrotas aos 90+3 min.   

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia