Sábado, 20 Julho, 2024
Início » Aspirantes a professores expulsos durante a formação em Nicoadala

Aspirantes a professores expulsos durante a formação em Nicoadala

Por Jornal Notícias
922 Visualizações

DEZANOVE estudantes ilegais foram expulsos hoje do Instituto de Formação de Professores (IFP) no distrito de Nicoadala, província da Zambézia, no contexto de uma ofensiva desencadeada pelo Serviço Provincial de Assuntos Sociais nos institutos de formação profissional.
Os visados estavam a frequentar as aulas sem ter feito exames de admissão, uma situação que foi constatada durante um trabalho de levantamento estatístico iniciado em Março último.
A informação foi confirmada pelo director do Serviço Provincial dos Assuntos Sociais da Zambézia, Ramadane José, que afirmou que a fiscalização se entende a outros institutos de formação de professores localizados nos distritos de Quelimane, Morrumbala, Alto Molócuè e Macuse.
A fonte disse haver fortes suspeitas de os alunos terem subordinado alguns funcionários para facilitar a sua integração nas turmas, nomeadamente docentes e gestores destes estabelecimentos de formação técnico-profissional.
Anualmente, os institutos de formação de professores da Zambézia graduam entre novecentos a mil e duzentos professores.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia