Domingo, 14 Julho, 2024
Início » Mulheres pedem penas mais pesadas para violência

Mulheres pedem penas mais pesadas para violência

Por Jornal Notícias
630 Visualizações

MAIS de 700 mulheres de diversas organizações marcharam recentemente em Maputo contra o femicídio. Para desencorajar a prática pedem o agravamento da pena aos violadores.
A marcha teve como ponto de partida a estátua de Eduardo Mondlane, rumo à Praça da Independência, e com uma só voz, clamavam por “Stop Violência” e o maior respeito pelas mulheres nas comunidades.
Segundo a activista Maria Feliciano, “os femicídios não podem continuar a acontecer no nosso país, pois somos pessoas, e a Constituição da República, no artigo 35 e 36 diz que temos os mesmos direitos, homens e mulheres, por isso exigimos que sejamos tratadas com o mesmo respeito”.
Acrescentou que continuarão a marchar até que o Governo faça uma revisão da lei, pois sentem que as leis são extremamente brandas.
“As leis no país aplicadas sobre violência não desencorajam a onda de criminalidade que é perpetuada contra as mulheres. A mulher não pode ser morta porque o esposo não concordou por ela ter saído a noite a uma festa ou por ter queimado arroz (…)”.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia