Domingo, 14 Julho, 2024
Início » EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS: Maleiane defende plano de crescimento diversificado

EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS: Maleiane defende plano de crescimento diversificado

Por Jornal Notícias
619 Visualizações

O PRIMEIRO-MINISTRO, Adriano Maleiane, defende a concepção de um plano de crescimento diversificado para equilibrar a produção nacional que não seja unicamente dependente da indústria extractiva emergente.

Falando no lançamento, em Maputo, do livro “Indústria Extractiva em África – Bênção ou Maldição”, do político e académico, António Niquice, o governante disse ser necessária cautela ao mesmo tempo que se devem seguir as melhores opções para a aplicação das receitas geradas pela exploração dos recursos, para que estes não se tornem uma maldição, como alguns exemplos no mundo.

Saudou o Governo pela posição de “trabalhar para tornar os recursos descobertos uma bênção”, o que implica encontrar estratégias e um plano de desenvolvimento de pelo menos vinte anos, que oriente o caminho adequado de utilização racional dos recursos.

“Por isso, dissemos que a agricultura é a base. Já era, mas desta forma tem de ser, numa perspectiva de ter uma abordagem de cadeia de valor exactamente para a industrialização, conteúdo local, tudo isso muito bem organizado”, disse.

Apontou a criação do Fundo Soberano como parte do plano de crescimento a longo prazo, a fim de dar a outras gerações a possibilidade de beneficiarem dos recursos existentes no país.

Explicou ainda que há também uma necessidade urgente, por exemplo, de financiar a agricultura na abordagem de um segmento que impulsione o conteúdo local, devido à falta de instituições e condições tecnicamente preparadas para financiar este sector.

Maleiane que falava em representação do Chefe do Estado, apelou para a necessidade de haver cautela na exploração de recursos para que o país não seja amaldiçoado. Aliás, a maldição na sua visão é, particularmente em África, onde encontra pelos menos duas razões para que assim seja.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia