Terça-feira, 23 Julho, 2024
Início » VISANDO A ACELERAÇÃO ECONÓMICA: Moçambique e Zâmbia melhoram conectividade

VISANDO A ACELERAÇÃO ECONÓMICA: Moçambique e Zâmbia melhoram conectividade

Por Jornal Notícias
679 Visualizações

MARIA DE LURDES COSSA, em Lusaka

MOÇAMBIQUE e Zâmbia reiteram a necessidade de melhorar, rapidamente, a conectividade entre si como forma de impulsionar, cada vez mais, a cooperação bilateral, bem como incrementar mutuamente as actividades económicas.

Para o feito, o Presidente da República, Filipe Nyusi, de visita àquele país desafiou, por exemplo, os técnicos de ambos lados a terminarem o processo de Paragem Única em Cassacatiza e Chanida, Moçambique e Zâmbia, respectivamente, como forma de reduzir os desafios logísticos enfrentados na circulação de mercadorias e para incrementar o fluxo de pessoas e bens naquele posto fronteiriço.

“A fronteira comum da zona de Cassacatiza/Chanida é fundamental para a circulação de pessoas e bens entre os dois países e que deve funcionar 24 horas”, anotou o Chefe do Estado.

Adiante, o Presidente da República destacou igualmente a necessidade e importância da melhoria de infra-estruturas ferroviárias, rodoviárias e a criação de oleodutos para fazer face ao crescente transporte de carga entre os dois países vizinhos.

Um outro aspecto que disse ter sido, debatido nos encontros, à porta fechada, junto com o seu homólogo zambiano, Hakainde Hachilema, é referente à instalação do porto seco que a Zâmbia terá que promover nos portos da Beira e de Nacala e que irão facilitar a gestão do tráfego e aumentar o fluxo de negócio.

Por sua vez, o Presidente Hakainde afirmou que o comércio é muito importante para a região da África, para facilitar o desenvolvimento económico nos vários sectores destes países, pelo que “os projectos de ferrovias não apenas aumentarão a eficiência do transporte mas, também, criarão novas oportunidades na região. Isso permitirá que a zona explore todo o seu potencial em comércio e investimentos”.

Agradeceu o acesso à energia concedido por Moçambique, pois permite apoiar as necessidades socioeconómicas como a construção de várias instalações de saúde, escolas, assim como indústrias.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia