Terça-feira, 23 Julho, 2024
Início » Visto electrónico beneficia cinquenta e seis mil pessoas

Visto electrónico beneficia cinquenta e seis mil pessoas

Por Jornal Notícias
737 Visualizações

MAIS de cinquenta e seis mil pessoas de vinte e nove países já beneficiaram do visto electrónico para efeitos de turismo e negócios desde o início, em Dezembro de 2022, da implementação da medida 13, do Pacote de Aceleração Económica (PAE), até Março último.

Esta medida permite a isenção de vistos para cidadãos de vinte e nove países e concessão de permissão de entrada no território nacional de investidores estrangeiros com períodos mais alargados, visando flexibilizar a sua permanência, valorizar a marca Moçambique, tornando o país destino mais competitivo e incrementar o fluxo turístico.

As medidas do PAE gravitam em torno de dois grandes vectores, pacote fiscal e de estímulo à economia e medidas para a melhoria do ambiente de negócios, boa governação e transparência.

De acordo com o mais recente balanço a que o “Notícias” teve acesso, neste período de vigência da medida, o investimento estrangeiro aprovado registou um aumento de trinta por cento, tendo atingido um valor estimado em 16,755,188 dólares norte-americanos.

No topo da lista de países que beneficiaram de visto electrónico está a Índia, Paquistão e Brasil. Já as nações beneficiarias de isenção de visto encontram-se Portugal, China e Estados Unidos da América (EUA).

Refira-se que é tendo em conta os indicadores de evolução do movimento turístico, que se propõe agora, o alargamento dos países abrangidos pela isenção de vistos, de modo a apostar em novos segmentos, melhorar a qualidade do destino, bem como criar mais facilidade e mobilidade de turistas e visitantes que pretendam escalar o país para fins de turismo e negócios.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia