Terça-feira, 23 Julho, 2024
Início » Falsificadores de bebidas recolhem aos calabouços

Falsificadores de bebidas recolhem aos calabouços

Por Jornal Notícias
2,1K Visualizações

Três indivíduos de idades compreendidas entre 30 e 41 anos, nomeadamente R. Caetano, J. Nhamunda e F.  Fazenda, estão sob custódia da Polícia na 7.ª Esquadra da PRM no bairro da Manga, indiciados do crime de falsificação de bebidas alcoólicas, numa destilaria montada numa casa na zona do Estoril, cidade da Beira.

O chefe de relações públicas do Comando Provincial da corporação em Sofala, Roberto Selemane, informou que os três indiciados foram detidos na posse de 22 garrafas de diversas bebidas alcoólicas, entre vinhos e whiskys, de diversas marcas falsificadas quando pretendiam vendê-lasna urbe.

“A detenção flagrante delito foi possível graças àdenúncia  de uma das vítimas das bebidas adulteradas. Do trabalho desenvolvido pela corporação foi possível aferir  que as bebidas eram falsificadas em uma residência no Estoril. As bebidas não contêm selos e foram seladas com cola”, afirmou.

Acrescentou que, neste âmbito, toda uma cadeia legalmente instituída é lesada, porque a bebida é falsificada com uso de produtos químicos. 

“Apelamos aos cidadãos que operam na área de restauração para que não comprem bebidas a particulares, mas façam-no em estabelecimentos credenciados para o efeito”, apontou.

Roberto Selemane indicou ainda que o expediente está lavrado e deverá seguir trâmites ulteriores noutras instituições de administração da justiça para que os envolvidos respondam em juízo.

Entretanto, J. Nhamunda, um dos envolvidos, revelou que vendeu bebidas ao proprietário de um restaurante em Mafambisse, mas não sabia que era produto falso, alegadamente porque também comprou a um indivíduo de nacionalidade malawiana, num dos parques de estacionamento próximo à portagem de Dondo.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia