SERNIC no encalço dos assassinos do seu agente

0

O Serviço Nacional de Investigação Criminal (SERNIC) está no encalço dos assassinos a tiros do agente desta corporação, ocorrido no início da noite de quarta-feira, na cidade de Maputo.

O porta-voz do Comando Geral da Polícia, Orlando Mudamane, disse que a polícia está a seguir todas as linhas de investigação criminal para esclarecer o facto.

O crime deu-se por volta das 18h, nas proximidades do InstitutoIndustrial de Maputo, avenida 24 de Julho, onde desconhecidos teriam baleado mortalmente um agente do SERNIC, que respondia por Américo Alberto Nhone, 37 anos de idade.

Segundo testemunhas no local, a vítima teria sido alvo de perseguição, de dois indivíduos, que se faziam transportar numa viatura ligeira de marca Toyota Mark X, que bloquearam o automóvel da vitima e começaram disparar vários tiros.

“A vítima vinha em direcção do comando da polícia da cidade para a Av. 24 de Julho. Depois do bloqueio dispararam vários tiros, tendo a seguir dois dos ocupantes da viatura dos atiradores descido para certificarem de que o polícia tinha sido atingido mortalmente”, afirmou uma testemunha abordada pelo “Notícias” no local. Pouco depois da ocorrência, registou-se uma forte presença policial no local do crime.

+ posts

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.