DEFENDE PRESIDENTE DO RUANDA: Produzir conhecimento para o bem-estar dos povos

0

O PRESIDENTE do Ruanda, Paul Kagame, apelou ontem aos parlamentares da Commonwealth,  região de África, para apostarem na produção de conhecimento que inclua a criação da sua própria vacina contra a Covid-19 e criarem legislações que concorram para o desenvolvimento dos seus países.

Falando na abertura da 17.ª Conferência dos Presidentes dos Parlamentos e Titulares de Cargos da Commonwealth (CSPOC), região de África, Kagame desafiou os parlamentos africanos a intervirem face à pandemia viral que continua a ceifar vidas no continente.

Nesta conferência, a delegação de Moçambique é chefiada pelo 1.º vice-presidente da Assembleia da República, Hélder Injojo, em representação da presidente do Parlamento, Esperança Bias.

Para o estadista ruandês, os parlamentares africanos devem partilhar experiências sobre como cada país procura superar o dilema causado por esta doença, assim como reunir esforços para apostar na vacinação.

Dados disponíveis indicam que há, hoje, menos novos casos diários de Covid-19 no continente africano, mas teme-se que a tendência possa mudar se os programas de vacinação não forem acelerados. Neste momento, apenas cerca de 7 por cento dos 1,3 mil milhões de africanos estão totalmente vacinados.

Para o Presidente do Ruanda, só a partilha de conhecimento, sem egoísmo, pode levar África a um patamar elevado de desenvolvimento.

“Temos de partilhar conhecimentos e produzir a nossa própria vacina”, disse Kagame, enaltecendo experiências de alguns países que caminham rumo à produção do seu próprio imunizador.

“Nós somos capazes e não devemos cruzar os braços à espera que os outros façam por nós”, disse Kagame.

Destacou ainda que, com coordenação de esforços, África pode ser o centro de conhecimento e desafiou ainda os parlamentares africanos a criarem legislações que beneficiem os seus povos e permitam o desenvolvimento dos seus países.

“Sois representantes das vossas comunidades e todo o esforço deve ser feito para melhorar a vida dos que representam”, disse.

São temas da conferência, que decorre sob o lema “Parlamentos africanos no século 21”, a gestão e planificação da dissidência radical e do governo das minorias; reequipamento dos parlamentos para uma fiscalização eficaz e eficiente; e fiscalização da acção governativa.

Para o 1.º vice-presidente da AR, Hélder Injojo, os desafios lançados pelo Presidente Kagame visam criar sinergias no continente para a erradicação da Covid-19 e criação do bem-estar.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Joana Macie
+ posts

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.