12.4 C
Maputo
Sexta-feira, 1 - Julho, 2022

Comunidades encaixam 65 milhões com venda de excedentes agrícolas à MRM 

+ Recentes

Os produtores do sector familiar das comunidades de Namanhumbir “A” e “B”,  Nanhupo “A” e “B”, Nanuni, Nsewe e Npene, em Montepuez, na província de Cabo Delgado, encaixaram na safra agrícola passada, mais de 65 milhões de meticais, decorrentes da venda de 1.559 toneladas de excedentes agrícolas à empresa Montepuez Rubi Mining (MRM), soube o “Notícias” hoje daquela empresa.

Trata-se de produtos como milho, amendoim, feijão nhemba e gergelim, que a MRM usou para alimentar os mais de 1500 operários afectos à mina de exploração de Rubi, no posto administrativo de Namanhumbir.

De acordo com o sector de comunicação daquela instituição, no âmbito da responsabilidade social e corporativa, a MRM organizou, em 2016, os agricultores das unidades territoriais circundantes à mina, em associações agro-pecuárias, passou a oferecer-lhes aquilo que ela precisa para produzir: sementes, adubos, insecticida, instrumentos de produção, aves para produção de ovo e carne, além de caprinos, e respectiva assistência técnica.

Leia mais…

- Publicidade-spot_img

Destaques