Director: Júlio Manjate

O GOVERNO reconhece fragilidades no controlo da exploração de areia para a construção civil nos leitos e margens dos rios. Para minimizar o impacto dessa prática que afecta a navegabilidade dos rios, a Direcção Nacional de Gestão de Recursos Hídricos considera oportuno interagir com outros sectores, de modo a garantir coordenação e sustentabilidade no uso dos recursos fluviais.  

Messias Macie, director nacional de Gestão de Recursos Hídricos, assume que, especificamente, há problemas na extracção de areia grossa, situação que acaba por prejudicar os agricultores, que têm na água o recurso que suporta a sua produção.

Macie reconheceu há dias, em contacto com produtores do distrito da Moamba, que as escavações que se fazem no leito e margens do rio Incomáti para a extracção de areia desviam o fluxo da água, além de perigarem a navegabilidade.

Disse ter registado a preocupação dos camponeses da Moamba e prometeu buscar solução junto das instituições que emitem as licenças, para que a extracção de areia para a indústria de construção civil decorra sem afectar a agricultura e a segurança dos que têm nos rios a sua fonte de sobrevivência.

Parte da areia usada nas obras de construção civil na cidade e província de Maputo é extraída no distrito da Moamba, sendo que o processo de transporte é igualmente feito em condições pouco recomendáveis.

Ligado a esta componente, a Polícia de Trânsito e a concessionária da Estrada Nacional Número Quatro (EN4) têm estado a reportar casos de circulação de camiões com excesso de carga e sem lonas para a proteger, o que periga os demais automobilistas na via.

A gestão dos rios é feita pelo Ministério das Obras Públicas, Habitaçãoe Recursos Hídricos, mas as licenças de extracção de inertes, como areia grossa, são emitidas pelo pelouro de Recursos Minerais e Energia (MIREME), facto que impõe que haja coordenação entre as duas instituições do Governo.

Na mesma ocasião,Macie garantiu o aumento da disponibilidade de água para agricultura e abeberamento de gado, uma preocupação com que agricultores se vêm debatendo em vários pontos do país, em particular na região sul, devido à seca desde 2015.

A melhoria será resultado da implementação do PRAVIDA – Programa Água para Vida, uma iniciativa do Presidente da República em curso desde Setembro do ano passado.

Fora estainiciativa, o Governo está igualmente focado em aproveitar a água de pequenos rios através de abertura de represas que a possam reter por muito tempo e possibilitar rega e abeberamento de animais nos tempos de crise. 

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction