Imprimir
Categoria: Beira
Visualizações: 873

UM movimento acima do normal regista-se nos últimos dias junto das instalações do Instituto Nacional de Transportes Terrestres e Rodoviários (INATTER), na cidade da Beira.

De acordo com o delegado da instituição, José Chilevo, trata-se de pessoas que pretendem renovar as suas cartas de condução, processo que esteve suspenso durante os seis meses de vigência do estado de emergência, decretado em face da pandemia do novo coronavírus.

“Durante a vigência do estado de emergência, podia-se conduzir mesmo com carta caducada. Alguns condutores relaxaram demais e não procuraram os nossos serviços. Agora, devido à vigorosa actuação da polícia, as pessoas pretendem renovar as cartas todos ao mesmo tempo”, explicou.

No entanto, Chilevo assegurou-nos que os funcionários do INATTER têm conseguido responder à demanda.

Por outro lado, considerou que a Covid-19 influenciou negativamente na meta prevista para a emissão de cartas de condução no ano de 2020.

Aproveitou a oportunidade para apelar aos automobilistas a privilegiar em a condução defensiva e o respeito pelos sinais de trânsito como forma de evitar acidentes e sangue nas estradas.