Director: Júlio Manjate

TRÊS pessoas contraíram ferimentos, duas das quais com gravidade, na sequência de um ataque de búfalos na manhã de ontem no bairro da Matola-Gare, posto administrativo da Machava.

Os dados sobre o insólito são ainda contraditórios, pois alguns moradores falam de três e as autoridades policiais apontam para dois o número de animais que apareceram naquela zona residencial idos de um local até aqui desconhecido.

Segundo dados apurados pela nossa Reportagem, os ruminantes foram vistos logo nas primeiras horas, no quarteirão 18, no bairro da Matola-Gare, onde terão atacado duas pessoas. Num outro ponto viriam a ferir outra. Entretanto, em nenhum dos casos conseguimos apurar a identidade das vítimas.

A situação alterou por algumas horas o curso normal da vida naquela zona residencial, uma vez que a população estava apavorada devido ao aparecimento-relâmpago daqueles animais.

As vítimas foram encaminhadas para o Centro de Saúde da Matola-Gare para o tratamento, sendo que duas delas foram transferidas para o Hospital Geral José Macamo, dada a gravidade dos ferimentos causados.

Em contacto com a nossa Reportagem, Neusa de Carvalho, directora do Centro de Saúde da Matola-Gare, confirmou a entrada de três pessoas vítimas de ataques daqueles animais e a transferência de dois dos feridos para o Hospital Geral José Macamo.

“Por volta das 7.00 horas recebemos três doentes que contraíram ferimentos por ataques de búfalos. Demos primeiros socorros e tivemos de transferir dois deles para o Hospital Geral José Macamo devido à gravidade dos ferimentos”, disse.

André Manungo, chefe do quarteirão 18, local onde os ataques aconteceram, confirmou o sucedido e falou da instabilidade que se viveu por algum momento no seu bairro.

“Quando cheguei ao local estava uma jovem estatelada, momentos após ter sido atacada pelos búfalos. As pessoas que vivem nas imediações do local do incidente estavam em pânico”, disse Manungo.

Isaías Mathavele, comandante da Polícia da República de Moçambique (PRM) na esquadra de Tchumene, disse que quando tomou conhecimento da existência dos búfalos no bairro a corporação iniciou um trabalho de buscas.

Disse que o trabalho de “caça” iniciou na noite de terça-feira, mas os animais teriam sido encontrados a meio da manhã de ontem depois de terem ferido três pessoas.

Mathavele explicou que a neutralização dos mesmos foi possível graças à colaboração das estruturas locais, que com uso de instrumentos da caça conseguiram abater os animais.

“Os búfalos foram vistos na noite de terça-feira e quando tomámos conhecimento encetámos buscas. As pessoas entraram em pânico mas tivemos que sensibilizá-las para retomarem as suas actividades normais”, disse Isaías Mathavele.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction