Imprimir
Categoria: Maputo
Visualizações: 1781

DOIS adolescentes de 18 e 20 anos de idade estão detidos, desde sábado, na 9.ª Esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM), no bairro de Tsalala, município da Matola, indiciados de furto de bens em três residências.

Entre os bens roubados, destacam-se televisor plasma, computadores portáteis, telemóveis e botija de gás.

Os indiciados são confessos e afirmam que pretendiam vender os electrodomésticos para alimentar o vício em drogas.

Para lograr os seus intentos, o grupo controlava os passos dos proprietários das residências. Quando estes se ausentavam, os acusados introduziam-se nas casas e retiravam os bens.

Segundo as autoridades, a detenção dos adolescentes foi possível mercê da investigação policial.

“Apelamos 0pppaaq comunidade a manter-se vigilante e a denunciar os casos criminais, logo a após a sua ocorrência”, instou a porta-voz da PRM, na província de Maputo, Carmínia Leite.