Imprimir
Categoria: Desporto
Visualizações: 1898

A GUINÉ Equatorial e o Gabão estão a preparar uma candidatura conjunta para acolher a fase final da edição de 2017 da Taça das Nações Africanas de futebol, cuja organização está entregue à Líbia.

A persistente instabilidade política na Líbia e os elogios ao CAN-2012, disputado na Guiné Equatorial e no Gabão, levou a que as federações desportivas dos dois países se tenham comprometido a apresentar uma proposta para a organização da prova aos respectivos governos.

A organização do CAN-2017 foi atribuída à Líbia, por troca com a edição de 2013, que foi disputada na África do Sul, devido à queda do regime de Muammar Kadhafi.