PHC

Director: Lázaro Manhiça

Decorre amanhã no Parque Marginal, na cidade do Maputo, a terceira edição do Festival de Hip Hop, em forma de desafio entre rappers, de Moçambique e Angola. O evento é organizado por Duas Caras, uma das maiores referências deste género musical a nível da lusofonia, em coordenação com uma equipa angolana, que concebeu e produz o programa Reis do Rompimento.

O festival vai colocar em confronto, na arena, 10 rappers, cinco de cada país, para cinco batalhas, cujos pares serão formados por “gladiadores” dos dois países irmãos.

A equipa moçambicana será constituída por Cadabra Mc, Epaitxoss One, Sugai, Trovoada e 16 Cenas. De Angola vieram Tanay Z, Rei Salomão, Brazza, Paizão e El Saede.

Segundo Duas Caras, a organização exigiu que os rappers se preparassem para proporcionar espectáculos emocionantes. “Esperamos, como organização, que este festival supere a segunda edição que realizamos nos meados do ano passado no Coconuts”, disse.

Por seu turno, o patrono do Reis do Rompimento, o Fly Squad disse em conferência de imprensa após a sua chegada à capital moçambicana que, independentemente do resultado positivo ou negativo dos seus gladiadores, o mais importante e grande ganho é alegria que vão proporcionar aos moçambicanos.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction