Director: Lázaro Manhiça

“AS reclamações dos sul-africanos devem ser equilibradas com a situação dos refugiados”. Assim respondeu o Presidente Jacob Zuma à carta-aberta que o escritor moçambicano Mia Couto lhe endereçou a semana passada.

Na carta ao Chefe do Estado sul-africano a propósito da violência contra estrangeiros que este mês atingiu a África do Sul, com o saldo de pelo menos sete mortos e milhares de deslocados, Mia Couto pediu “medidas duras e imediatas” para parar os ataques e lembrou a Jacob Zuma dos seus dias como refugiado político em Moçambique.

“Imaginei muitas vezes os temores que o senhor deveria sentir, na sua condição de perseguido pelo regime do apartheid. Imaginei os pesadelos que atravessaram as suas noites ao pensar nas emboscadas que congeminavam contra si e contra os seus companheiros de luta”, disse o escritor moçambicano.

Mas “não me recordo de o ter visto com guarda-costas. Na verdade, éramos nós, os moçambicanos, que servíamos de seu guarda-costas. Durante anos, demos-lhe mais do que um refúgio. Oferecemos-lhe uma casa e demos-lhe segurança à custa da nossa própria segurança. É impossível que se tenha esquecido desta generosidade”.

Na sua resposta, Zuma reconhece a contribuição dos moçambicanos na luta de libertação da África do Sul.

“Não posso esquecer a amizade que Moçambique concedeu aos meus companheiros e a mim pessoalmente. Na verdade Moçambique tornou-se a minha segunda casa e mantém-se como tal”, diz Zuma.

“Está com dor, como a sua carta indica, por causa das mortes de moçambicanos e dos ataques aos cidadãos estrangeiros em partes do nosso país” , escreveu o Chefe do Estado sul-africano na carta, também aberta, a Mia Couto, onde reconhece a contribuição dos cidadãos estrangeiros “para o nosso desenvolvimento através do investimento na economia (…) e através da adição da diversidade de que nos orgulhamos”.

Porém, diz Zuma, na sua externa carta, que há que não fechar os olhos “a algumas queixas ou problemas que os cidadãos (sul-africanos) têm levantado e que precisam de ser abordadas. Estes incluem o aumento do número de imigrantes ilegais e indocumentados no país, a ocupação do espaço dos pequenos comerciantes locais por estrangeiros, alguns dos quais operam ilegalmente”.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction