Director: Júlio Manjate

LIMPOPO:  A casa do governador  (César Langa-Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.)

 

 

O PROCESSOeleitoral caminha célere rumo ao seu ponto mais alto: as eleições. É certo que, de acordo com o calendário da Comissão Nacional de Eleições (CNE), a campanha eleitoral arranca a 30 de Agosto corrente, mas, a nível de cada interessado no processo, a partir dos partidos políticos, passando pelos órgãos de comunicação social, até à sociedade civil, o processo já começou a “mexer”.

Não sendo figura alheia, Limpopo já está no terreno, tendo em conta o carácter inédito em que vão acontecer as próximas eleições, que têm o condão de eleger, pela primeira vez, os governadores provinciais. Mês passado, por iniciativa da organização SEKELEKANI, Limpopo esteve, juntamente com os seus colegas da região sul do país, na cidade de Inhambane, para um refrescamento em matéria eleitoral, onde muitos aspectos foram debatidos, atendendo a esta componente inovadora no processo da governação do país, que implicou a revisão da Constituição da República de Moçambique, tendo como pano do fundo a paz.

Nesse seminário de Inhambane, muitas curiosidades foram colocadas à mesa das discussões e o que estava em conversa era o número de eleitores na província de Gaza, que ditou a subida de 14 para 22 assentos deste círculo eleitoral na Assembleia da República. Foi um assunto que terminou ao nível de comentários, pois os actores directamente envolvidos, nomeadamente o Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) e o Instituto Nacional de Estatísticas (INE) ainda estavam a travar-se de razões. Nessa altura ainda nem se dizia que a província de Gaza estava a viver os anos 2040, mas era assunto que dominava a actualidade.

Limpopo saiu enriquecido para a cobertura das eleições gerais, tal como havia acontecido no ano passado, para o processo das eleições autárquicas, em razão de troca de experiências com os colegas, contando com a “mediação” dos oradores seleccionados para as diferentes apresentações.

Para um processo similar, os jornalistas desta mesma região estão reunidos, desde ontem até amanhã, na vila autárquica da Praia do Bilene, onde uma nova questão veio à mesa: quem vai ocupar a casa actualmente reservada para o governador da província, tendo em conta o advento da figura de secretário de estado que, tecnicamente poderá ter mais poderes que o actual chefe do executivo provincial?

Assim colocada a pergunta, pode parecer algo ingénua, mas está toda ela recheada de muito conteúdo, pois também leva consigo uma série de outras questões que para muitos, como Limpopo, ainda não estão claras. Aliás, nem quero imaginar a convivência nas províncias em que o governador e o secretário de estado não sejam da mesma filiação partidária. Mas a pergunta é mesmo esta: quem vai ocupar a casa do governador? É uma questão que nos pode ajudar a reflectir e a jogar limpo(po). 

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction