Director: Lázaro Manhiça

Um tremor de terra de magnitude 4,4 na escala de Richter registou-se na madrugada de hoje nos distritos de Milange e Morrumbala, província da Zambézia. O director provincial dos Recursos Minerais e Energia, Almeida Manhiça, confirmou a ocorrência do sismo cujas réplicas também se fizeram sentir na vizinha República do Malawi.

Manhiça disse que ainda não há informações sobre os danos humanos e materiais. O abalo sismíco teve a duração de menos de um minuto.

 Mais detalhes nas próximas horas.

Comments

O Instituto Nacional de Gestão de Calamidades (INGC), em Manica, está a assistir 27 famílias da cidade de Chimoio e distrito de Gondola, cujas casas ficaram parcialmente destruídas, devido a chuva e ventos fortes registados esta semana, segundo noticia a RM.

 A assistência consiste na disponibilização de abrigo provisório e produtos alimentares, num altura em que os afectados estão a reconstruir as casas.

O delegado do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, em Manica, Augusto Alexandre, deu a conhecer que o sector de agricultura e segurança alimentar está a fazer o levantamento de culturas perdidas devido a chuva intensa que inundou alguns campos agrícolas.

A atenção do sector de agricultura está centrada nos distritos de Sussundenga e Tambara, onde a produção é feita próximo dos rios Zambeze e Lucite”, disse.

Comments

Mil pessoas com deficiência, afectadas pelo ciclone tropical Idai, nos distritos de Sussundenga e Mossurize, na província de Manica vão beneficiar de apoio psicossocial, no âmbito de um projecto lançado semana passada, na cidade de Chimoio.

 O projecto, financiado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), é desenvolvido pela Associação Italiana dos Amigos de Raul Follereau (AIFO).

Com duração de seis meses, a iniciativa está orçada em mais de um milhão e quinhentos mil meticais, segundo o coordenador de projectos da AIFO em Manica, Paulo Hamsine.

A especialista de protecção à criança na UNICEF, Alexandra Valério disse à RM, que ao apoiar a iniciativa, espera- se abranger maior número de crianças com necessidades especiais.

O projecto de apoio específico a pessoas com deficiência afectadas pelo ciclone Idai termina em Junho deste ano.

Comments

As obras de construção e reabilitação da EN212, no troço que liga Caniçado a Mapai, na província de Gaza, numa extensão de 190 quilómetros, decorrem na sua fase inicial, que consiste na montagem do estaleiro para albergar os técnicos da empreitada e de fiscalização.

De acordo com o delegado provincial da Administração Nacional de Estradas (ANE) em Gaza, Jorge Govanhica, neste momento aguarda-se pela chegadado equipamento importado da China para iniciar a intervenção no troço, importante para o acesso à zona norte da província de Gaza.

A fonte indicou que os trabalhos consistirão na terraplanagem e posterior colocação do novo tapete asfáltico (nas secções que não foram objecto de intervenção no projecto anterior),a construção de aquedutos, a colocação de placas de sinalização horizontal e vertical e outros serviços que se impõem ao longo do percurso.

“O empreiteiro já está a fazer o levantamento topográfico no traçado da estrada em toda a extensão que irá sofrer intervenção e está igualmente a identificar locais onde vai extrair ossolosa seremusadosna obra”, assegurou o delegado provincial da ANE.

 A cargo da empresa de construção civil chinesa Zhongmei Engineering,Lda., a obra está orçada em cerca de 2.2 mil milhões de meticais, fundo disponibilizado pelo Governo moçambicano, prevendo-se que os trabalhos tenham a duração de 24 meses.

Segundo Govanhica, constamdo projecto apresentado ao empreiteiro trabalhos de reposição em algumas secções, numa extensão de pelo menos 50 quilómetros, que se encontram com o asfalto degradado. 

A Estrada Nacional Número 212 é uma via de acesso importante que liga os distritos de Guijá, Chicualacuala, Mabalane, Chigubo e Massangena, bem como com o vizinho Zimbabwe, cuja asfaltagem vai facilitar as actividades agrícolas, comerciais e turísticas.

Entretanto, o delegado da ANE em Gaza fez saber ainda que no quadro do programa de melhoramento da circulação rodoviária decorre a ritmo satisfatório a reabilitação da ponte sobre o rio Limpopo, na Estrada Nacional Número Um(EN1).

Segundo disse,nesta altura estão em curso trabalhos de reparação da parte superior do tabuleiro, do lado do distrito do Limpopo, e a substituição das chapas metálicas do pavimento, o que obriga os condutores a partilharem a mesma faixa nos dois sentidos.

“Nos próximos dias irá iniciar a reparação da torre desustentação da ponte, donde partem os cabos que sustentam o tabuleiro. Estamos a reabilitar também as guardas e a reparar os aparelhos da sustentação da ponte”, disse Govanhica, garantido a conclusão das obras até ao mês de Março próximo.

Em relação à mobilidade viária nos outros pontos da província o responsável indicou que está assegurada, embora “tenhamos a consciência de que parte da nossa rede precisa de intervenção periódica para permitir melhor circulação de pessoas bens”.

Comments

Foi restabelecido o fornecimento da corrente eléctrica aos cinco distritos da região norte da província de Cabo Delgado, nomeadamente Muidumbe, Mueda, Nangade, Mocímboa da Praia e Palma, que, desde domingo da semana passada, estavam às escuras, na sequência da queda da torre que transporta a linha de alta tensão.

O director da empresa Electricidade de Moçambique (EDM) - Área Operacional de Cabo Delgado, Gildo Marque, fez saber que o restabelecimento da corrente eléctrica aos cinco distritos é provisório porque, segundo ele, foram usados pórticos de suporte alternativos, por causa das inundações que afectam a bacia do Messalo.

Explicou que por ser uma zona cheia de água, a solução é fixar uma torre sustentada com betão, trabalho que pode ser feito depois de passar a época chuvosa, alegadamente porque, neste momento, a bacia do rio Messalo encontra-se totalmente alagada, devido às chuvas intensas que fustigam quase toda a província de Cabo Delgado.

Trata-se da segunda vez que mais uma torre da linha de alta tensão tomba na mesma área, localizada na bacia do rio Messalo, na zona da localidade de Miangaleua.

No ano passado, o incidente verificou-se por estas alturas do período chuvoso, obrigando os  distritos em causa a ficar às escuras.

Fez saber que a travessia da linha, no rio Messalo, era assegurada por duas torres, tendo a do sul tombado em Fevereiro do ano passado, sendo que a do norte é a que foi arrastada este ano, pela corrente de água, na noite do passado dia 11 de Janeiro corrente.

O apagão, nos cinco distritos, verificou-se numa altura em que os preços de produtos da primeira necessidade foram agravados pelos comerciantes, que alegam a escassez dos mesmos em toda a região norte de Cabo Delgado, onde, neste momento, é quase impossível camiões de grande tonelagem transportar produtos, por causa dodesabamento da ponte sobre o rio Montepuez.

Para minimizar a carência dos produtos da primeira necessidade e outros, o governo provincial viu-se na contingência de usar duas embarcações fornecidas pelas multinacionais que operam no ramo de hidrocarbonetos para transportar mercadorias de comerciantes privados para aquela região, através da via marítima.

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction