Director: Lázaro Manhiça

DEZ funcionários e Agentes do Estado foram condenados há dias a penas que vão até 15 anos de prisão acusados no crime de tráfico de pessoas e órgãos humanos, na província da Zambézia.

O porta-voz do Ministério Público na Zambézia, Domingos Julai, disse à imprensa que o grupo inclui dois professores, um de Morrumbala e outro de Alto Molócuè, que se envolveram no tráfico de órgãos humanos.

A fonte afirmou que, os professores deveriam ser o exemplo de boas práticas, mas, curiosamente, acabam sendo praticantes ou mandantes de crimes hediondos, por isso, desencorajamos todos cidadãos a prática de qualquer tipo de crime.

De acordo com Julai, há ainda outros funcionários em prisão preventiva acusados do mesmo crime na Zambézia, incluindo o famigerado caso Elias Durão, um professor que estava em exercício na Escola Primária de Namacata em Dezembro do ano passado e mandou assassinar um rapaz vizinho de 12 anos para extrair órgãos humanos.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction