O Conselho Municipal de Chimoio reafirma o compromisso de tudo fazer para devolver o estatuto de cidade mais limpa do país à capital provincial de Manica.

A garantia foi dada, ontem, no “Café da Manhã” da Rádio Moçambique, pelo Presidente do Conselho Municipal de Chimoio, João Ferreira, a propósito da comemoração dos 50 anos de elevação da urbe à categoria de cidade que hoje se assinala.

As comemorações dos 50 anos de Chimoio foram marcadas pela deposição de uma coroa de flores na Praça dos Heróis, entrega da casa mortuária do Hospital Provincial de Chimoio, que beneficiou de obras de reabilitação e ampliação, e um espectáculo musical com artistas nacionais e do Zimbabwe.

Comments

Professores do ensino primário de oito distritos da província de Maputo pediram na tarde de ontem, em Magude, ao Presidente da República, Filipe Nyusi, o fim de turmas ao ar livre nas escolas, de modo a melhorar o seu desempenho no processo de ensino e aprendizagem.

Trata-se de professores dos distritos de Matutuíne, Namaacha, Boane, Moamba, Matola, Marracuene, Manhiça e Magude, que alegam que o funcionamento de aulas ao ar livre está a colocar em causa a qualidade do ensino e aprendizagem.

A classe de professores acrescentou que naquelas condições de trabalho o programa pedagógico não se cumpre na totalidade, porque tem havido interrupção de aulas durante o ano lectivo, sempre que ocorrem   intempéries. 

Os docentes reclamaram ainda, junto do Presidente da República, da falta de pessoal de apoio nas escolas primárias, facto que concorre para o mau ambiente de trabalho e que  desmotiva, de certa forma, os professores.

A falta de políticas ou programas de promoção de habitação ou aquisição de espaços para fixação de residências de professores e/ou a falta destas nas escolas fazem parte da lista das preocupações apresentadas.

Outro problema mencionado pelo grupo é relativo à falta de pagamento do subsídio de localização  em alguns  distritos da província de Maputo.

Em forma de resposta, o Presidente da República afirmou que todas as reclamações apresentadas pelos professores foram anotadas e acolhidas, pelo que vão ser analisadas com mais pormenor para se encontrar uma solução equilibrada.

Comments

O GOVERNO está à procura de fundos para financiar as obras de construção de uma ponte sobre o Rio Incomáti, em Magude, para garantir a circulação segura de pessoas e viaturas na entrada e saída da sede do distrito. O facto foi anunciado pelo Presidente da República, Filipe Nyusi, que apontou que a construção desta infra-estrutura está avaliada em 25 milhões de dólares norte-americanos. Leia mais

Comments

POUCO mais de 1.401 mil pessoas serão abrangidas, este ano, pela campanha de mobilização social para o registo de nascimento e de óbito, em implementação na cidade e província de Maputo, Gaza e Nampula. Trata-se de uma estratégia que pretende despertar a população sobre a importância das estatísticas vitais na promoção e protecção dos direitos humanos e no desenho e implementação das políticas públicas.  Leia mais

Comments

O sector da saúde necessita de rever as suas estratégias de atendimento e de desenvolvimento do seu quadro do pessoal, de modo a assegurar o reforço da cobertura universal e a oferta de cuidados primários ajustados aos momentos de transição epidemiológica.

Segundo tese defendida pela ministra do pelouro, Nazira Abdula, a experiência do dia-a-dia de atendimento nas unidades sanitárias e os resultados da avaliação dos serviços, demonstra que é preciso melhorar a qualidade da atenção prestada ao utente.

A ministra, que falava ontem na abertura do Conselho Coordenador do sector, a decorrer na cidade de Tete, destacou os avanços alcançados pelo seu pelouro na componente de expansão do acesso aos cuidados de saúde, no combate a grandes epidemias como a malária, HIV/Sida e tuberculose, bem como no aumento da rede de unidades sanitárias.

“O processo de descentralização constitui, em simultâneo, uma oportunidade e um desafio. Temos ainda crianças, adolescentes e jovens, adultos, homens e mulheres que ainda não têm acesso a uma unidade sanitária próxima”, disse a governante.

A ministra afirmou que a entrada em funcionamento do quarto hospital central no país levou a que toda a zona norte tivesse mais um hospital de referência com valências especializadas, o que permite reduzir a pressão sobre os hospitais centrais de Nampula, Beira e Maputo.

“Reduziu o impacto familiar e económico das transferências, a sobrecarga dos outros hospitais centrais em cerca de 1.200 cirurgias de grande vulto por ano e, acima de tudo, melhorou a qualidade de vida e da saúde das populações”, sublinhou.

Abdula disse que o governo reconhece a vacinação como a intervenção de saúde pública mais eficaz, pois antes do tratamento de qualquer que seja a doença, primeiro vem a prevenção.

No seu entender, o impacto da vacinação na saúde e na dinâmica da população é inestimável, tendo em conta que as vacinas previnem doenças e oferecem uma boa saúde, contribuem para um desenvolvimento cada vez mais sustentável e para o bem-estar da população.

“Por isso, o sector está ciente de que, com a administração de cada vez mais vacinas às nossas crianças, o Governo está a contribuir de forma segura para uma considerável melhoria dos indicadores da saúde infantil”, concluiu.

Comments
Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction