Director: Lázaro Manhiça

A TEMPESTADE tropical Guambe transformou-se esta sexta-feira (19) num ciclone tropical cujo centro deverá passar a 100 quilómetros da costa moçambicana, anunciou há momentos, o Instituto Nacional de Meteorologia (INAM).

De acordo com o comunicado do INAM, o coração do ciclone deverá manter-se a cerca de 100 a 150 quilómetros da costa moçambicana, com uma passagem mais próxima nas próximas horas.

Um avanço para terra, entrando em solo moçambicano, “está praticamente excluído, devendo o ciclone seguir para sudeste, em direcção ao mar alto”, acrescenta o documento.

Ainda assim, espera-se uma nova vaga de ventos fortes com rajadas entre 100 e 120 km/h, chuva intensa  nos distritos costeiros das províncias de Inhambane, Gaza e Maputo, no sul do país, até domingo (21), no seguimento de outras intempéries que têm afectado a região nas últimas três semanas, provocando inúmeras inundações.

Moçambique está em plena época chuvosa e ciclónica, que ocorre entre os meses de Outubro e Abril, com tempestades oriundas do Índico e cheias com origem nas bacias hidrográficas nos países vinhos.

As mais graves foram a tempestade Chalane, no final de 2020, e o ciclone Eloise, em Janeiro, com um balanço oficial total de 19 mortos, mas relatos de autoridades locais apontam para o dobro.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction