DÍVIDAS NAO DECLARADAS: Julgamento retoma com ausência de três co-réus por motivos de doença

0

A sessão de audiência e julgamento do caso “dívidas não declaradas” a decorrer na penitenciária da Máxima Segurança (BO), acaba de iniciar, porém, com ausência de três co-réus, nomeadamente Ângela Leão, Inês Moiane e Sulficar Ahmad, todos por motivos de doença.

A ré Inês Moiane caiu ontem, com perda de sentidos, em pleno tribunal, quando caminhava da sala de sessões de audiência para uma outra reservada aos co-réus, onde pretendia tomar uma  refeição.

Ainda ontem o juiz da causa, Efigénio Baptista, dispensou o réu Zulficar Ahmad da sessão de audiência, à braços com uma enfermidade. Ângela Leão está ausente há já alguns dias, igualmente, por doença.

A sessão de hoje está reservada à audição de Felisberto Manuel, declarante cujo interrogatório foi ontem interrompido devido ao adiantado da hora. Manuel responde agora, a perguntas da Ordem dos Advogados de Moçambique, assistente do Ministério Público neste processo.  

HÉLIO FILIMONE
+ posts

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.