25 C
Maputo
Sexta-feira, 20 - Maio, 2022

GAZA: Energia eléctrica melhora a vida em Nguzene

+ Recentes

A LIGAÇÃO da energia eléctrica da rede nacional à sede do posto administrativo de Nguzene, distrito de Chongoene, em Gaza, vai impulsionar o desenvolvimento económico, social e assegurar a provisão de serviços essenciais às comunidades locais e circunvizinhas.

Esta expectativa surge na sequência da activação, semana finda, de um posto de transformação de energia para beneficiar cerca de 1500 consumidores, capacidade que poderá ser incrementada, de acordo com a demanda.

Segundo a chefe do posto administrativo de Nguzene, Lurdes Machava, a ligação da corrente eléctrica trará impactos assinaláveis. A governante descreve que uma das aplicações de vulto será na cerâmica, tendo em conta o potencial existente, possibilitando o uso de equipamentos eléctricos na actividade produtiva.  

Machava disse que o governo está engajado na sensibilização dos 210 oleiros para que legalizem as suas actividades, de modo a que tragam, igualmente, impactos financeiros às estruturas administrativas, fora dos sociais já visíveis. 

Por outro lado, o director da Escola Secundária de Nguzene, Sábado Mandlate, referiu que a instituição poderá introduzir aulas no período nocturno, caso haja demanda nesse sentido.  

Esclareceu ser uma mais-valia a electrificação da escola, visto que eram obrigados a percorrer acima de 12 quilómetros, até ao distrito de Mandlakazi para, por exemplo, apenas imprimir documentos.

Os agentes económicos locais, que até aqui usavam congeladores à gás ou à energia solar, também consideram ser de mais vantajosa a corrente eléctrica da rede nacional.

“Vou poder aumentar a capacidade de fornecimento de produtos congelados. Inicialmente usávamos gás e depois painéis solares. E isso tudo com muitas limitações”, afirmou João Macupulane.

A população, no geral, espera que a electrificação de Nguzene, signifique reais mudanças significativas no modo de vida local.

“Gostaríamos de ter aqui perto, serviços farmacêuticos, de reparação de electrodomésticos entre outros”, disse, por exemplo, Lourenço Buque,

- Publicidade-spot_img

Destaques