Terça-feira, 28 Maio, 2024
Início » Perto de cinco mil jovens envolvidos com as drogas

Perto de cinco mil jovens envolvidos com as drogas

Por admin-sn
154 Visualizações

CERCA  de 5.000 jovens e adolescentes estão, de alguma forma, envolvidos na venda e consumo de drogas, onde avulta a cannabis sativa, heroína, mandrax e cocaína.

Para contrariar o cenário, várias organizações da sociedade civil, em parceria com o Gabinete Provincial de Combate às Drogas, têm promovido campanhas de sensibilização sobre os perigos do consumo das drogas para a saúde e também a nível familiar e social.

A informação foi revelada ontem, pelo director provincial  do Gabinete de Prevenção e Combate às Drogas, António Semente. O mesmo revelou que onze pessoas morreram de Janeiro a Novembro do presente ano por consumo excessivo de drogas, maioritariamente nos bairros de Esturro na zona da Massamba, Pioneiros, incluindo no Grande Hotel, na cidade da Beira. A fonte falava no final de  uma campanha e marcha destinadas a  alertar aos adolescentes e jovens a não aderirem ao consumo das substâncias psicoactivas, incluindo bebidas alcoólicas e cigarros.

Explicou que por estarem  preocupados com o aumento exponencial de casos, incluindo mortes, têm promovido palestras nas escolas, rádios comunitárias, penitenciárias, entre outros, para sensibilizar e educar as pessoas a adoptarem um comportamento mais responsável, saudável e socialmente útil, ao invés de optarem por atitudes autodestrutivas. 

banner

“Muitos consumidores de drogas têm arranjado desavenças com os familiares porque na situação de viciados não podem viver sem consumir as drogas e para a sua obtenção precisam de dinheiro. Ora, sendo maioritariamente desempregados acabam tirando bens familiares para venderem e pagarem pelo produto que desejam. Óbvio que isso acaba criando problemas no seio das famílias”, lamentou Semente.   

Acrescentou que uma bolinha de heroína custa 75 meticais e os que já estão viciados podem consumir duas ou mais bolinhas por dia. Para satisfazer a necessidade, muitos acabam cometendo crimes ou praticam a mendicidade.

 De acordo com Semente, o assunto de drogas é sério e muitas das que se consomem na cidade não são produzidas localmente, o que indica que há uma cadeia de produção e distribuição que deve ser desmantelada o quanto antes…

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Leave a Comment

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia