Quarta-feira, 29 Maio, 2024
Início » Mais de 180 pessoas mordidas por cães

Mais de 180 pessoas mordidas por cães

Por admin-sn
1,3K Visualizações

CENTO e oitenta e cinco pessoas sofreram mordeduras caninas, sem registo de mortes, na província de Manica, nos primeiros três meses do presente ano, uma diminuição de 104 casos em comparação com igual período de 2022, altura em que foram atacadas 289.

De acordo comJimes Deve, chefe do Departamento de Pecuária na Direcção Provincial da Agricultura e Pescas de Manica, em 2023 foram registados 1437 casos de mordedura com nove mortes, contra 1929 do ano anterior com quatro óbitos.
Os distritos de Chimoio (80), Mossurize e Vandúzi com 19 cada, são os pontos com mais casos de mordeduras.

Jimes Deve informou que os cães vadios são os principais responsáveis pela maior parte dos ataques, tendo como vítimas, sobretudo crianças e idosos.

Revelou que o sector tem realizado campanhas periódicas de recolha de cães vadios para que estes não continuem uma ameaça para a população, o que passa também por os que têm estes animais domésticos tomem maior cuidado para que os mesmos não continuem vagueando pelas ruas, causando vítimas.

banner

Solicitou ainda que estes animais sejam levados à  vacinação nas campanhas massivas desencadeadas pelas autoridades para combater a raiva.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia