Quarta-feira, 19 Junho, 2024
Início » País busca oportunidades de investimento em Seul

País busca oportunidades de investimento em Seul

Por Jornal Notícias
629 Visualizações

ELIAS SAMO GUDO, da AIM, em Seul

O PRESIDENTE da República, Filipe Nyusi, chegou na noite de ontem a Seul, onde vai participar na Cimeira Coreia-África, evento de dois dias que inicia amanhã, no qual o país vai procurar mobilizar mais investimentos.   

A participação de Moçambique surge em resposta a um convite formulado pelo Chefe de Estado da Coreia do Sul, Yoon Suk Yeol.

A cimeira será co-presidida pelo Presidente coreano e pelo seu homólogo da Mauritânia e presidente em exercício da União Africana, Ould Ghazouani.

banner

Na cimeira, o Chefe do Estado moçambicano terá a oportunidade de partilhar a visão do país sobre a cooperação com a Coreia.

“Nós temos uma relação com a Coreia muito boa e queremos manter esse nível”, disse o ministro da Indústria e Comércio, Silvino Moreno, num breve contacto estabelecido com a imprensa moçambicana que acompanha a delegação presidencial.

“Os empresários coreanos estão todos interessados em ir a Moçambique e investir nas várias áreas de actividade, incluindo agricultura, infra-estruturas, comunicações, tecnologia, e é isto que nós queremos potenciar e ter a certeza que eles encontrem um ambiente propício para investimentos”, explicou Moreno.

Aliás, disse o governante, “encorajamos que encontrem nesta reunião uma oportunidade para firmarem contratos, para formarem parcerias, para que convençam os empresários da Coreia a virem para Moçambique”.

Questionado sobre a balança comercial, Moreno disse que actualmente é deficitária, por causa do investimento realizado para a importação de equipamentos, incluindo a plataforma de exploração de gás natural Coral Sul, na bacia do Rovuma.  

O director da Agência para a Promoção de Investimento e Exportações (APIEX), Gil Birres, que também integra a delegação do Chefe do Estado, considera a cimeira uma excelente oportunidade para Moçambique promover as suas oportunidades de investimentos e exportações.

Birres reconhece que a balança comercial é negativa para Moçambique e por isso, há necessidade de aumentar as exportações para a Coreia, apontando como exemplo produtos agrícolas e outros que registam uma grande demanda no mercado deste país asiático.  

Nesta deslocação à Coreia do Sul o Presidente da República faz-se acompanhar pelos ministros do Interior, Pascoal Ronda; da Indústria e Comércio, Silvino Moreno; e pelos vice-ministros dos Recursos Minerais e Energia, António Saíde; da Economia e Finanças, Amílcar Tivane; e dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Manuel Gonçalves.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia