Quarta-feira, 19 Junho, 2024
Início » Portagens melhoram estado das estradas

Portagens melhoram estado das estradas

Por Jornal Notícias
620 Visualizações

A COBRANÇA das taxas de portagem está a permitir a realização de intervenções nos principais corredores rodoviários do país, incluindo a construção de pontes, não previstas nos contratos de concessão.

A informação foi partilhada há dias, em Maputo, pelo ministro das Obras Publicas e Habitação, Carlos Mesquita, em entrevista ao “Notícias”, à margem da Conferência Africana de Tecnologias dos Transportes, da Associação das Agências Rodoviárias da África Austral (ASANRA).

Indicou que, com a excepção da Estradas do Zambeze, em que Governo mandou interromper a cobrança devido à degradação das vias, as outras rodovias concessionadas merecem atenção das empresas gestoras.

A título de exemplo, a Estrada Nacional Número Quatro (N4), gerida pela Trans African Concession (TRAC), está a ser alargada, enquanto a “Circular de Maputo”também beneficia de manutenção. 

banner

Segundo o governante, a REVIMO – primeira empresa privada nacional a gerir estradas, recebeu um troço que acabava de ser reabilitado em Manica, na zona de Chilungo, mas que em alguns pontos registou-se a subida do nível freático, forçando à substituição do asfalto.

Outrossim, os fundos das portagens estão a ser investidos na construção de nova ponte e um quilómetro de estrada em Metuchira, intervenções igualmente não previstas no contrato.

Explicou que o Governo viu-se obrigado a interromper a cobrança de taxas de portagem pela Estradas do Zambeze, com uma rede viária de 700km em Tete,porque a rodovia não estava em condições.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia