Segunda-feira, 20 Maio, 2024
Início » MISA condena assassinato do jornalista João Chamusse

MISA condena assassinato do jornalista João Chamusse

Por admin-sn
386 Visualizações

O MISA Moçambique condena “nos termos mais veementes” o assassinato do jornalista moçambicano João Chamusse, ocorrido na madrugada de ontem na KaTembe, província de Maputo.
Em mensagem emitida ontem, o MISA refere que nada justifica o assassinato de qualquer cidadão, muito menos de um jornalista, cujo trabalho é crucial para a sobrevivência de uma democracia e na luta pela afirmação das liberdades de imprensa e de expressão. “Independentemente das motivações, o assassinato de um jornalista é um grande revés para um país democrático, onde a imprensa é pilar fundamental, pelo que o assassinato de João Chamusse merece ser condenado da forma mais veemente possível”, indica o documento.
À data da sua morte, Chamusse era director do semanário “Ponto por Ponto”. Antes, trabalhou para o diário MediaFAX, onde foi editor interino e, mais tarde, para o jornal Zambeze. Foi, também, co-fundador do semanário Canal de Moçambique, antes de criar o semanário “Ponto por Ponto” e comentador televisivo.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Leave a Comment

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia