Quarta-feira, 19 Junho, 2024
Início » EM ALTO MOLÓCUÈ: Violência mancha congresso da Renamo

EM ALTO MOLÓCUÈ: Violência mancha congresso da Renamo

Por Jornal Notícias
1,1K Visualizações

          JOCAS ACHAR

AGRESSÕES físicas e expulsões de candidatos e mandatários marcaram ontem, pela negativa, os trabalhos do VII congresso da Renamo que vinham decorrendo na vila municipal de Alto Molócuè, província da Zambézia.

Dois seguranças de Manuel de Araújo, membro do Conselho Nacional do partido, foram violentados pela guarda da Renamo quando acompanhavam ao espaço da reunião o autarca de Quelimane, que chegou ao encontro a meio da tarde.

Primeiro foi Manuel de Araújo a ser impedido de aceder à tenda por alguns agentes da corporação, alegando ter recebido ordens da própria Renamo para não deixá-lo entrar. Foi preciso a intervenção do delegado político provincial da Renamo na Zambézia para que ele acedesse à sala do congresso. Mas quando os dois seguranças quiseram o acompanhar foram barrados e agredidos pelo elenco de protecção do partido.

banner

Em breves declarações à imprensa, Manuel de Araújo disse ser incompreensível aquele comportamento por se tratar de uma reunião da “família” Renamo.

Enquanto isso, Manuel Bissopo, antigo secretário-geral do partido e mandatário da candidatura de Elias Dhlakama, foi expulso da sala pelo facto de não ser congressista e nem convidado.

Abordado pelo “Notícias”, Manuel Bissopo questionou a dualidade de critérios uma vez que o mandatário da candidatura de Ossufo Momade estava dentro da sala a acompanhar normalmente os debates.

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia