Quinta-feira, 30 Maio, 2024
Início » ÁFRICA DO SUL: Presidente do Parlamento investigada por corrupção

ÁFRICA DO SUL: Presidente do Parlamento investigada por corrupção

Por admin-sn
487 Visualizações

A PRESIDENTE do Parlamento sul-africano, Nosiviwe Mapisa-Nqakula, está a ser investigada por corrupção, por alegadamente ter solicitado subornos em troca de contratos quando era ministra da Defesa.

Com efeito, uma unidade de elite da Polícia da África do Sul invadiu ontem a sua casa, em Joanesburgo, à procura de evidências para sustentar as alegações de corrupção.

“A presidente da Câmara mantém firmemente a sua forte convicção de inocência”, indicou um comunicado do Parlamento.
A unidade policial agiu em nome dos procuradores do Estado que conduziram uma investigação contra a líder parlamentar.
O comunicado do Parlamento afirma que a Polícia “conduziu um procedimento de busca e apreensão” na residência de Mapisa-Nqakula, acrescentando que ela “recebeu os investigadores na sua casa, cooperou plenamente” durante a busca de cinco horas.

A veterana da luta anti-“Apartheid”, de 67 anos, tornou-se presidente do Parlamento em 2021, depois de ter servido como ministra da Defesa durante nove anos.

banner

Durante o seu tempo nesse cargo Mapisa-Nqakula terá alegadamente feito várias exigências de dinheiro no valor de 120 mil dólares ao proprietário de uma empresa para garantir um concurso para transportar equipamento militar de outras partes do continente para a África do Sul, relata o jornal sul-africano Business Day.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia