Quinta-feira, 25 Abril, 2024
Início » Situação da tuberculose é crítica em Moçambique

Situação da tuberculose é crítica em Moçambique

Por admin-sn
125 Visualizações

MOÇAMBIQUE está entre os 10 países com maior carga de tuberculose no mundo, situação que desafia as autoridades sanitárias e os sectores-chave da sociedade a um esforço adicional para mudar o cenário.

A informação foi prestada quinta-feira pela directora do Programa Nacional de Controlo da Tuberculose, Benedita José, numa mesa-redonda promovida pelo Centro de Investigação em Saúde da Manhiça, no contexto do Dia Mundial contra esta doença, que se assinala amanhã.

A Zona Centro tem maior peso da doença, seguida pelo Sul e Norte. No Sul os índices são preocupantes na cidade de Maputo e província de Gaza.

Assim, a situação da tuberculose em Moçambique é descrita como crítica e um problema de saúde pública, com a taxa de mortalidade de 54 por cento, contra 64% entre 2015 e 2022. A incidência é de 361 casos/100 mil habitantes.

banner

A tuberculose transmite-se por via aérea, quando um infectado tosse, espirra ou fala, libertando bactérias que qualquer um pode inalar. Embora aliada à pobreza, afecta também indivíduos financeiramente estáveis.

“Ter contacto com um copo ou uma colher usados por alguém doente não significa necessariamente que aquele utensílio esteja infectado e que a microbactéria vai transmitir a doença a quem for a usá-lo. É importante saber que a forma de transmissão é aérea; não há possibilidade de contágio por via de contacto”, explicou.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia