Segunda-feira, 24 Junho, 2024
Início » TELEVISÃO DIGITAL: Pirataria de conteúdos periga sustentabilidade

TELEVISÃO DIGITAL: Pirataria de conteúdos periga sustentabilidade

Por Jornal Notícias
1,1K Visualizações

PILATOS PIRES

A AQUISIÇÃO, utilização, partilha ou venda de conteúdos televisivos sem a permissão dos legítimos titulares de direitos é uma prática criminosa que tem colocado em causa a liberdade criativa e  a sustentabilidade dos negócios deste sector no país. Estes têm amiúde se queixado desta forma de pirataria, que causa prejuízos avultados neste sector de media.

Moçambique faz parte dos países com mais casos de pirataria, com enfoque na transmissão ilegal do sinal ou conteúdos das operadoras de televisão por meio de aplicativos que imitam os serviços de TV e streaming

Pouco mais de cinquenta mil casos de pirataria já foram reportados ao Instituto Nacional das Telecomunicações (INCM), que regula esta área, e o número tende a aumentar, o que representa um perigo para a sustentabilidade das empresas de produção e emissão de conteúdos nesta era digital, conforme queixas de intervenientes nacionais neste sector, que semana passada participaram na Conferência Nacional das Telecomunicações.

the_ad_group(621);

As televisões e distribuidoras de sinal foram unânimes em afirmar que o combate à pirataria digital exige acções multissectoriais e multifuncionais, precisamente por sentirem que a sua actividade está a ser colocada em causa pelos que enveredam pela ilegalidade.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia