Quarta-feira, 19 Junho, 2024
Início » “STOP BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS”: Juiz de instrução legaliza prisão de cinco detidos

“STOP BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS”: Juiz de instrução legaliza prisão de cinco detidos

Por Jornal Notícias
886 Visualizações

O JUIZ de instrução criminal legalizou, na segunda-feira, a prisão de cinco dos sete suspeitos no âmbito da “Operação Stop Branqueamento de Capitais”, movida pelo Gabinete Central de Combate à Criminalidade Organizada e Transnacional, uma unidade da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Trata-se de Abdul Elias, Zumir Hamid Hassan, Sheila Nurdin Giva, Momed Munib e Hassan Gulam, que vão continuar presos para responderem pelos crimes de branqueamento de capitais e associação criminosa, num esquema que culminou com a exportação ilegal de mais de 330 milhões de dólares, cerca de 21 mil milhões de meticais.

Entretanto, o juiz decidiu libertar sob pagamento de caução de 500 mil meticais cada os arguidos Nelson Filipe e Paulino Mungoni.

Ao todo, o processo envolve 40 cidadãos nacionais e estrangeiros e 15 empresas, constituídos arguidos por suspeita de prática dos crimes de branqueamento de capitais, falsificação de documentos, fraude fiscal, abuso de confiança fiscal, associação criminosa e uso de documento falso. 

banner

Refira-se que os magistrados do Ministério Público e judiciais denunciam estar a sofrer pressão, ameaças e tentativas de suborno pelo sindicato do crime organizado para soltar os detidos e não avançarem com a “Operação Stop Branqueamento de Capitais”, pretensão não acatada pelos investigadores, que se mostram firmes e focados em levar o processo até ao fim.

Leia mais…

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia