Terça-feira, 23 Julho, 2024
Início » Alargada rede de monitoria de sismos

Alargada rede de monitoria de sismos

Por admin-sn
1,1K Visualizações

O INSTITUTO Nacional de Minas (INAMI) projecta alargar a capacidade de monitoria da actividade sísmica no país, através da instalação de sistemas que cubram toda a extensão do território nacional até 2028.

Com efeito, mais sete centros de controlo da ocorrência sísmica serão montados em zonas actualmente não abrangidas, o que vai elevar de 12 para 19 o número de postos de monitoria do fenómeno.

A informação foi partilhada recentemente em Maputo, durante a reunião da Comissão Técnica Científica sobre Mudanças Climáticas (CTCMC), que juntou representantes do Governo e especialistas à procura de soluções para minimizar os impactos dos eventos naturais.

Amos Maúre, porta-voz do encontro, explicou que o aumento do número de centros colocará o país com uma rede mínima que permite a detecção de actividades sísmicas com vista à mitigação dos seus efeitos. Para além do incremento da eficiência no controlo de eventos sísmicos, a instituição procura também responder a desafios ligados à capacidade humana, através da constituição de equipas de respostas rápidas.

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia