Domingo, 14 Julho, 2024
Início » BAD defende fim dos empréstimos saldados com recursos naturais

BAD defende fim dos empréstimos saldados com recursos naturais

Por admin-sn
282 Visualizações

O presidente do Banco Africano de Desenvolvimento, Akinwumi Adesina, defendeu hoje o fim dos empréstimos que são saldados com recursos naturais, nomeadamente à China, considerando que isso ajudou a criar uma crise financeira no continente.

“São mesmo maus, antes de mais porque não se conseguem dar um preço justo aos activos”, disse o presidente do BAD numa entrevista à agência norte-americana de notícias Associated Press em Lagos, na Nigéria, acrescentando.

“Se um país tem minerais ou petróleo no solo, como é que se define um preço para um contrato de longo prazo, isso é um grande desafio”.

Ligar as receitas futuras das exportações de recursos naturais a empréstimos é muitas vezes um mecanismo utilizado pelos países para receberem financiamento antecipado que permita pagar os projectos de infra-estruturas, e para os credores é uma maneira de reduzirem o risco de não serem pagos.

“Há várias razões para eu dizer que África devia acabar com estes empréstimos baseados em recursos naturais”, vincou Adesina, salientando a Aliança para as Infra-Estruturas Verdes, uma iniciativa do BAD com o objectivo de “ajudar os países a renegociar estes empréstimos assimétricos, opacos e erradamente avaliados”.

Adesina citou o caso do Chade que caiu numa crise financeira grave devido a um empréstimo da Glencore, que acabou por consumir quase todas as receitas do petróleo, em vez de serem canalizadas para o financiamento de projectos que promovam o desenvolvimento.

Artigos que também podes gostar

Propriedade da Sociedade do Notícias, SA

Direcção, Redacção e Oficinas

Rua Joe Slovo, 55 • C.Postal 327

Capa do dia